Google irá manter Chrome e Android separados, afirma Eric Schmidt

Por Redação | 21 de Março de 2013 às 16h20

O presidente do conselho administrativo do Google, Eric Schmidt, afirmou nesta quinta-feira (21) que as divisões do Android e do Chrome permanecerão separadas. O anúncio foi feito durante o evento Google Big Tent, realizado na Índia. O executivo, quando questionado sobre a possível fusão das divisões, afirmou que isso não irá acontecer, já que os dois produtos "resolvem problemas diferentes". As informações são da agência de notícias Reuters.

As especulações sobre uma fusão das áreas surgiram após o Google anunciar a saída de Andy Rubin do comando da divisão Android na última semana. O cargo será assumido por Sundar Pichai, atual diretor da divisão Chrome e de aplicativos, manobra esta que serviu para alimentar rumores sobre a possível fusão, já que as duas divisões passarão a ser controladas por Pichai.

Outro fator que corroborou para os rumores foi a instalação de um boneco do mascote do Android cromado na fachada da sede do Google em Mountain View, Califórnia, Estados Unidos, o que muitas pessoas entenderam com uma nova fusão entre os dois sistemas da gigante da Web, o Chrome OS e o Android. Schmidt ainda afirmou que os dois sistemas e divisões deverão ficar mais "associados". A declaração do executivo não elimina completamente a possibilidade de, em um futuro próximo, aplicativos do Android rodarem no Chrome OS e vice-versa.

Além disso, o executivo também negou os rumores de que estaria deixando o Google, depois da sua recente decisão de vender 42% de todas as ações que detém na empresa.

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.