Google está planejando adquirir espaço para abrigar funcionários de startups

Por Redação | 18.02.2014 às 10:35
photo_camera Divulgação

Foi reportado pelo Financial Times que o Google estaria negociando a compra de um edifício em São Francisco, grande o suficiente para abrigar até 200 funcionários, citando fontes familiares ao assunto.

Ao que tudo indica, esse espaço abrigará funcionários das startups que a empresa tem adquirido nos últimos anos, e que provavelmente continuará adquirindo. Muitas dessas empresas são de São Francisco e, após serem compradas pelo Google, seus funcionários tem que se submeter ao inconveniente de ter que se deslocar até o Vale do Silício para trabalhar, o que é uma viagem incômoda.

O mais interessante é que, de acordo com o planejamento de zonas da cidade, a área onde está localizada a construção é destinada para manufatura, o que poderá permitir à empresa fabricar dispositivos no local.

Além do problema da distância que funcionários tem que percorrer para chegarem ao trabalho, o Google (e outras gigantes da tecnologia) tem enfrentado outros problemas. Recentemente diversos manifestantes protestaram e pararam ônibus da empresa que levam funcionários ao trabalho, reclamando que a companhia não paga taxas para usar os pontos de ônibus públicos, além de causarem outros impactos na cidade, como o aumento dos preços dos imóveis.

Apesar da ideia de construir um prédio para 200 funcionários seja bacana, ela não solucionará e nem amenizará o problema, pois a empresa possui quase 50 mil funcionários e esse número continua aumentando. Nos últimos meses o Google adquiriu diversas empresas, como a fabricante de termostatos e detectores de fumaça conectados à internet Nest Labs pela bagatela de US$ 3,2 bilhões, bem como a Bot and Dolly, que produz filmes robóticos, além da startup israelense SlickLogin, que desenvolve tecnologias voltadas para a área de segurança.

Agora com mais esse enorme espaço em uma área destinada à manufatura, vamos esperar para ver o que a gigante de Mountain View está tramando.