Google anuncia que uma nova versão do 'Google Shopping' vai chegar ao Brasil

Por Redação | 16 de Novembro de 2012 às 12h37

O Google anunciou que está trazendo para o Brasil uma nova versão da ferramenta Shopping. O Google Shopping usa a tecnologia de pesquisa do Google para ajudá-lo a encontrar e comparar produtos de lojas online na web.

O gigante das buscas afirma que a mudança acontecerá gradualmente, dando aos comerciantes um tempo de transição para que possam otimizar suas campanhas. Além do Brasil, Austrália, Alemanha, França, Itália, Japão, Holanda, Espanha, Suíça e Reino Unido também vão receber a novidade.

A primeira grande alteração (resultados mais limpos para consultas comerciais e resultados patrocinados) deve chegar no dia 13 de fevereiro de 2013, segundo informações postadas no blog do AdWords.

Este novo modelo de consultas, que permitirá aos compradores refinar a busca por marca ou preço e contará com imagens maiores do produto, estão disponíveis para uma pequena porcentagem de pesquisas desde ontem (15). O Google espera completar o lançamento com todas as mudanças até o final do segundo trimestre de 2013.

O Google Shopping aterrissou no Brasil no final de 2011, mas em um modelo de buscas de produto muito simples. A nova versão traz um modelo comercial da empresa, com o ranking de produtos baseado em uma combinação de preço e relevância da proposta, bem como alguns novos recursos bem úteis.

"Nós fizemos essa transição, porque acreditamos que ter uma relação diferente com os comerciantes vai levar a melhores e mais atualizados dados dos produtos - o que significa melhores resultados comerciais para os utilizadores e, por sua vez, o tráfego de maior qualidade para os comerciantes. Achamos que isso vai trazer uma experiência de compras com alta qualidade para as pessoas - e resultados positivos para os comerciantes - de todo o mundo", explica o Google.

Em setembro deste ano, a companhia ganhou um processo aberto pelo Buscapé contra o serviço Google Shopping. A empresa brasileira alegava prática desleal, porém, a decisão do juiz foi contrária a isso.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!