Google anuncia projeto de lentes de contato que monitoram diabetes

Por Redação | 17 de Janeiro de 2014 às 12h19
photo_camera Divulgação

Lembra de quando o Google anunciou, em setembro do ano passado, o lançamento da Calico? A empresa pretende atuar no segmento de saúde e terá como objetivo criar tecnologias para tratar questões do envelhecimento e prolongar a vida dos seres humanos. A questão é que, desde aquela época, não houve nenhum produto ou acessório relacionado a essa divisão. Pelo menos até agora: a companhia revelou que está desenvolvendo lentes de contato que vão ajudar pessoas com diabetes a controlar os níveis de açúcar.

O projeto das lentes de contato para diabéticos já havia sido divulgado pela Bloomberg na semana passada, quando o site relatou que funcionários do Google se reuniram com a FDA. Segundo a empresa norte-americana, o diabetes afeta uma em cada 19 pessoas em todo o mundo, e os níveis de glicose mudam com frequência devido a vários fatores - por isso a dificuldade em medir tais níveis e, assim, desenvolver uma tecnologia mais prática ao dia a dia.

De acordo com o blog da empresa, o projeto acontece no laboratório secreto conhecido como Google X, o mesmo lugar onde nasceram outros protótipos da companhia, como o carro que dirige sozinho e o Google Glass. Diferente dos óculos de realidade aumentada, as lentes de contato terão como foco a saúde de usuários diabéticos, permitindo que estes monitorem de forma mais fácil sua condição sem precisar de outros aparelhos - como aquele em que é necessário picar o dedo para tirar sangue.

"Estamos testando lentes inteligentes fabricadas para medir a taxa de glicose nas lágrimas", disseram os responsáveis pelo conceito, Brian Otis e Babak Parviz. "Nossos testes revelam que os protótipos podem fazer uma nova leitura [da glicose nas lágrimas] a cada segundo. Ainda é cedo para lançar essa tecnologia, mas já completamos vários estudos clínicos que nos ajudam a aprimorar nossa ideia. Esperamos que ela possa algum dia levar uma nova forma de pessoas com diabetes controlar sua doença", completaram.

As lentes de contato são equipadas com um micro chip sem fio conectado a um sensor de glicose - ambos em miniatura e implantados entre duas camadas no material que reveste as lentes. Os criadores explicam que também estudam maneiras de utilizar o gadget como alerta para indicar quando a saúde do paciente não está bem. Neste caso, o acessório pode receber pequenas luzes de LED que exibem notificações dos níveis de açúcar no sangue do usuário.

O Google afirma que os testes clínicos estão em andamento, assim como as reuniões com a agência de Administração de Remédios e Alimento (FDA). No entanto, a empresa diz que "ainda há muito trabalho a fazer para transformar a tecnologia em um sistema que as pessoas podem usar". A companhia também explica que está em busca de novos parceiros para trazer o produto ao mercado e desenvolver aplicativos para melhorar os diagnósticos dos médicos para os pacientes.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.