Google acredita que fez um bom trabalho no caso antitruste da Comissão Europeia

Por Redação | 24 de Junho de 2013 às 18h29

Para Kent Walker, vice-presidente sênior e conselheiro geral do Google, o gigante da web está fazendo um bom trabalho em resposta às preocupações apresentadas pela Comissão Europeia em relação às supostas práticas anticompetitivas adotadas pela empresa na região.

Nesta segunda-feira (24), por meio de um post no blog da empresa, Walker explica que o Google apresentou propostas relativas a cada um dos quatro pontos destacados nas acusações da Comissão "de uma maneira construtiva", e acrescentou ainda que essas propostas são significativas e abrangentes.

Depois de uma longa batalha que vem sendo arrastada há cerca de três anos, em abril de 2013 o Google finalmente aceitou modificar seu sistema de buscas para se adaptar às exigências de órgãos reguladores europeus. A investigação antitruste acusava o gigante das buscas de abusar de seu domínio de pesquisa online.

Porém, alguns rivais da empresa na Europa — incluindo a Microsoft — não ficaram satisfeitos as propostas apresentadas pelo gigante, o que fez com que o comissionário Joaquin Almunia anunciasse, há cerca de um mês, que o Google "deveria melhorar [suas] propostas".

De qualquer forma, independente da opinião dos concorrentes ou do conselheiro geral do Google, apenas a Comissão Europeia poderá julgar se as propostas foram ou não um "bom trabalho" da empresa. Caso a decisão seja negativa, a companhia de Mountain View irá enfrentar uma multa equivalente a até 10% do seu volume de negócios anuais globais, um valor que pode chegar a US$ 3,8 bilhões (R$ 8,4 bilhões) se for tomada como base a receita global da empresa em 2011.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.