Gartner prevê queda nos investimentos em Tecnologia da Informação em 2015

Por Redação | 09 de Fevereiro de 2015 às 09h53
photo_camera Divulgação

De acordo com a última previsão realizada pelo Gartner, os investimentos no setor de Tecnologia de Informação deverão crescer 2,4% em todo o mundo. De acordo com a projeção, o mercado de TI receberá cerca de US$ 2,8 trilhões em 2015. Ainda que os números sejam positivos, o crescimento é menor do que as previsões de 3,9% realizadas anteriormente.

O motivo da diminuição na projeção, segundo os analistas, se deve especialmente ao aumento do câmbio do dólar e ao esfriamento das expectativas envolvendo os equipamentos e serviços de TI e de telecomunicações. O vice-presidente de investigação do Gartner, John-David Lovelock, garantiu que a redução da taxa de crescimento não é tão significativa como parece. "Retirando o impacto das taxas de câmbio, o crescimento correspondente seria de 3,7%, que compara com os 3,8% previstos no trimestre passado", conclui o executivo.

De acordo com a empresa de consultoria, haverá redução de preços e consolidação de fabricantes no mercado de software empresarial. A razão deste cenário é a elevada concorrência entre os fornecedores de software na nuvem e on premises. Porém, o investimento neste setor totalizará US$ 335 bilhões em 2015, o que significa um aumento de 5,5% em relação a 2014.

Um exemplo claro deste setor é o mercado de customer relationship management (CRM), que deve sofrer redução de preço de até 25% até 2018. A guerra de preços também deverá acontecer nos sistemas de gestão de bases de dados (DBMS), infraestrutura aplicacional e middleware.

Quanto às previsões para os serviços de TI para este ano, a mais recente projeção do Gartner revela que o crescimento ficará em 2,5%. Para se ter ideia do tamanho da redução, no trimestre passado a consultoria havia informado um crescimento de 4,1%. O setor de serviços de apoio ao software a nível global tem puxado para baixo as previsões, que deverão ser afetadas até 2018.

Previsões da Gartner

Já os serviços de telecomunicações receberão um pequeno aumento de investimentos em 2015, passando para US$ 1,6 trilhões, também abaixo da projeção anterior. O aumento de apenas 0,7% se deve em especial à redução das expectativas para as receitas nas telecomunicações móveis na Europa Ocidental e Leste Europeu.

A influência do cloud é o grande responsável pela boa projeção de crescimento nos investimentos de equipamentos em TI, que incluem PC, notebooks, smartphones, tablets e impressoras. Apesar de sofrer uma queda na projeção de 1,3%, a taxa de crescimento esperada ficou em 5,1%. A expectativa é que o investimento em sistemas para centros de dados atinja US$ 143 bilhões, um aumento de 1,8% em relação a 2014.

Comparado às projeções anteriores, haverá uma redução nos investimentos em servidores e armazenamento e um aumento nos segmentos de equipamentos de rede empresarial e aplicações de comunicações corporativas. A durabilidade dos ciclos de vida dos equipamentos e a mudança para os serviços de armazenamento em cloud os principais fatores responsáveis por estas flutuações.

A respeito do mercado de smartphones, o Gartnet acredita que haverá uma polarização maior entre os dispositivos topo de linha, em especial os modelos iOS e os dispositivos de entrada, dominados pelo Android e outros sistemas abertos.

Fonte: http://www.semanainformatica.xl.pt/gestao/gestao/gartner-ajusta-previsoes-de-crescimento-do-investimento-em-ti-para-2015

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.