FTC está sob investigação devido ao vazamento de informações do caso Google

Por Redação | 09 de Janeiro de 2013 às 15h53

A principal função da FTC (sigla em inglês para Comissão Federal de Comércio) é promover a defesa do consumidor, bem como eliminar e prevenir práticas anticompetitivas nos Estados Unidos. No entanto, agora é a própria comissão que está sob investigação.

Nos últimos seis meses, o Google tem mantido uma presença constante no mundo das notícias por causa do inquérito antitruste da FTC. Porém, a grande maioria das informações que surgiram na imprensa sobre o caso vieram de fontes anônimas, identificadas apenas como "familiarizadas com a situação". Isso levou o Congresso norte-americano a colocar a FTC sob escrutínio devido à quantidade de informação vazada para a mídia.

Segundo a lei antitruste — que se destina a punir práticas anticompetitivas —, as informações de uma investigação da FTC não devem ser liberadas para os meios de comunicação, até que a decisão final seja tomada e o anúncio oficial tenha sido realizado.

Conforme informa o site eWeek, no dia 3 de janeiro, Darrel Issa, presidente do Comitê de Supervisão e Reforma do Governo dos Estados Unidos, enviou uma carta ao Investigador Geral da FTC, Scott Wilson, solicitando uma investigação imediata sobre a fonte dos vazamentos.

"Durante todo o processo, as informações não públicas sobre a evolução da investigação têm sido indevidamente compartilhadas com os meios de comunicação. Acredita-se que a comissão esteja contribuindo, ou então seja a fonte destas informações... Para determinar se a comissão, ou sua equipe, tem compartilhado informações privadas com o público ou a imprensa sobre a investigação do Google, eu solicitei ao Gabinete do Inspetor Geral que investigue de imediato o assunto", disse Darrel Issa em sua carta.

Agora, a FTC terá muito que explicar em relação ao vazamento de tanta informação pertinente ao caso.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.