Ex-funcionária do Yahoo processa executiva por assédio sexual e demissão injusta

Por Redação | 14 de Julho de 2014 às 15h46

Uma ex-funcionária do Yahoo abriu um processo no estado norte-americano da Califórnia contra a executiva de alto escalão da empresa Maria Zhang na última sexta-feira (11). De acordo com as informações da Reuters, a mulher, que era subordinada a Zhang na companhia, está acusando-a de assédio sexual e demissão injusta.

Zhang é diretora de engenharia da divisão Mobile da empresa e trabalhava com Nan Shi, a autora da ação, desde fevereiro de 2013. Shi atuava como engenheira de software no Yahoo, cargo que, segundo a ação judicial, só foi obtido depois dela se render aos pedidos de sexo oral e virtual de Zhang.

No documento, a ex-funcionária também descreve que foram várias as ocasiões em que a executiva a ameaçava e dizia que ela perderia seu emprego se as duas não fizessem sexo juntas. Quando o ato se consumava, Zhang prometia que Shi teria um "futuro brilhante" no Yahoo. Agora desempregada, Shi diz querer ser indenizada e que sua ex-chefe seja punida.

A autora da ação acusa Maria Zhang (foto) de assédio sexual e abuso de poder. Segundo a ação judicial, Zhang forçou Nan Shi a fazer sexo oral e virtual com ela em troca de um

A autora da ação acusa Maria Zhang (foto) de assédio sexual e abuso de poder. Segundo a ação judicial, Zhang forçou Nan Shi a fazer sexo oral e virtual com ela em troca de um "futuro brilhante" na empresa (Imagem: Reprodução)

Em um e-mail enviado à agência de notícias, o Yahoo se pronunciou sobre o caso dizendo que não há nada que prove as acusações da ex-funcionária. "Não há absolutamente nenhuma base ou verdade nas acusações contra Maria Zhang. Zhang é uma executiva exemplar e prentedemos lutar com vigor para limpar o seu nome", disse um representante da companhia no comunicado.

Ainda de acordo com a ação judicial, Shi alega que o departamento de recursos humanos do Yahoo se negou a conduzir uma investigação interna quando ela foi demitida e acusou sua chefe de abuso de poder e assédio. Ao invés disso, Shi acabou saindo com uma mão na frente e outra atrás, demitida por justa causa.

Maria Zhang chegou ao Yahoo em 2013 após sua startup focada em dispositivos móveis Alike ter sido adquirida pela norte-americana. Antes disso, ela chegou a trabalhar na Microsoft e na Zillow.

Confira casos semelhantes:

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.