Em novo recorde, valor de capitalização da Apple chega a US$ 700 bilhões

Por Redação | 25 de Novembro de 2014 às 14h50
photo_camera Divulgação

O valor de capitalização da Apple superou os US$ 700 bilhões pela primeira vez nesta terça-feira (25), quando suas ações atingiram o pico de US$ 119,7, um novo recorde para a empresa. As informações são do Apple Insider.

Para efeito de comparação, as rivais da Maçã que disputam o título de maior empresa do mundo estão muito atrás da gigante de Cupertino. A capitalização da petrolífera ExxonMobil está avaliada em US$ 405 bilhões, a Microsoft em US$ 394 bilhões, o Google em US$ 367 bilhões, a Amazon em US$ 155,2 bilhões e a IBM em US$ 161 bilhões.

O site MacLife ainda aponta que o atual preço de mercado da Apple é maior do que todo o valor alcançado dentro da Rússia. Para que isso pudesse acontecer, a valorização da empresa ultrapassou pouco mais de US$ 40 bilhões em duas semanas. Se for levar em consideração todo o último ano de atuação da companhia do iPhone, o crescimento ficou em 60%.

Falando no iPhone, as vendas do aparelho ajudaram a companhia a chegar ao novo valor de mercado. Durante o último trimestre, foram comercializadas 39,3 milhões unidades de seus celulares. No trimestre atual, a empresa espera um faturamento de vendas de entre US$ 63,5 bilhões e 66,5 bilhões.

Segundo dados recentes da Capital IQ, os maiores acionistas institucionais da Apple são o Vanguard Group (5,6% de participação) e o BlackRock (5,4%). O maior investidor ativista da companhia é Carl Icahn, com participação de 0,9%.

O preço das ações deve subir ainda mais até o fim do ano por conta da temporada de festas como Natal e Ano Novo. Outro fator que contribui para o valor elevado é o sistema de pagamentos Apple Pay e o relógio inteligente iWatch, que ainda não foi lançado. A expectativa é que, após esse período de vendas aquecidas, a capitalização da empresa chegue a novos patamares e transforme a companhia na primeira do mundo a chegar à marca de US$ 1 trilhão.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.