Editoras brasileiras fecham acordo com Amazon para distribuição de e-books

Por Redação | 30.11.2012 às 18:56

As principais editoras brasileiras fecharam nesta sexta-feira (30) acordo com a Amazon para a distribuição de e-books no país. A varejista norte-americana deverá estrear no Brasil em 2013 e a assinatura dos acordos acelera a chegada da empresa.

A Amazon assinou acordos com editoras como Companhia das Letras, Globo Livros, Ediouro e DLD, responsável pelos livros digitais publicados pela Record, Objetiva, Sextante, LPM e Novo Conceito. Além disso, a Globo Livros e DLD também assinaram acordos com o Google, que deverá estrear sua loja de livros ainda em dezembro deste ano, e a Companhia das Letras também informou que está em estágios avançados na negociação com o Google.

No entanto, os representantes das editoras afirmaram que a empresa norte-americana não informou nenhuma data efetiva para o seu lançamento e início das operações, e que essa informação é mantida a sete chaves.

Kindle

Foto: Divulgação

A Companhia das Letras deverá disponibilizar 500 títulos digitais neste primeiro momento. Já a Globo Livros possui um acervo de 150 mil livros, com mil títulos disponíveis em versão digital em serviços como iTunes, da Apple e o Kobo, e-reader recém-lançado no Brasil pela Livraria Cultura.

Mauro Palermo, diretor da Globo Livros, informou ao site G1 que um advogado da Amazon está no Brasil para acertar os principais contratos em Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro. E os sistemas de gerenciamento de direitos autorais também estariam ajustados para o lançamento do Kindle e da loja de livros dentro da Google Play no país.