Diretor de design da Samsung pede demissão após críticas ao Galaxy S5

Por Redação | 08.05.2014 às 11:47
photo_camera Divulgação

As críticas à similaridade do Samsung Galaxy S5 com seu antecessor e também em relação à traseira furadinha do aparelho atingiram os mais altos rincões da fabricante sul-coreana. A empresa anunciou nesta quinta-feira (8) que Chang Dong-hoon, o diretor de design mobile responsável por toda a linha da marca, pediu demissão de seu cargo.

O comunicado oficial foi publicado pela agência Reuters, mas não cita as críticas como causa direta para o pedido de demissão de Chang, que teria sido apresentado na semana passada. Ainda assim, o movimento teria sido visto pela Samsung como uma maneira de realinhar seu time de design não apenas para a linha Galaxy, mas para todos os dispositivos móveis da marca.

O cargo será assumido por Lee Min-hyouk, que atuava como vice-presidente da divisão e carrega consigo o título de executivo mais jovem a chegar a um cargo sênior dentro da empresa. Com 42 anos, ele foi um dos principais responsáveis pelo desenho da linha Galaxy e trabalhou ativamente em alguns dos produtos mais bem-sucedidos da companhia.

Vale a pena citar uma interessante história de bastidores relacionada à entrada de Lee na companhia. Antes de ser considerado um dos homens-fortes por trás da linha Galaxy, ele trabalhou em uma união entre Samsung e Renault para criação de carros com alta tecnologia embarcada, nos anos 1990. A iniciativa nunca saiu do papel, mas serviu para que o designer continuasse subindo na companhia até chegar à segunda posição no time de desenho de produtos.