Big data: como obter retorno sobre seus dados

Por Colaborador externo | 02 de Janeiro de 2013 às 07h15

*Leandro Rodrigues

A repercussão em torno do aumento sem igual no volume, variedade e velocidade de geração de dados, conhecido como Big Data, provocou um debate em todo o setor sobre o valor que eles possuem para as empresas. Os CEOs permanecem céticos sobre os benefícios que gerenciar este volume de dados pode trazer para os seus resultados financeiros. A popularidade das redes sociais e dispositivos móveis contribuem para o dilúvio de dados, o que leva a uma mudança na forma como os consumidores e as empresas interagem com esses conteúdos. Agora, temos uma explosão de informações, com diferentes tipos de dados sendo armazenados na nuvem e em sistemas distintos, o que chamamos de "Big Data".

Quando se trata de informações de clientes, adotar uma estratégia para lidar com Big Data pode valer tanto quanto ouro. Informações sobre os hábitos de compra, estilos de vida e pontos de vista das pessoas nunca foram tão acessíveis para as empresas. Porém, com tantos lugares para localizar e acessar, integrar estas informações aos principais sistemas de TI pode ser extremamente difícil.

O IDC, líder em inteligência de mercado, consultoria e eventos para as indústrias de Tecnologia da Informação e Telecomunicações, prevê que, em 2012, o volume de conteúdo digital irá crescer para 2,7 Zetabytes, ou seja, 48% maior que em 2011, disparando para quase 8 Zetabytes até 2015. Em termos de Big Data, o IDC prevê que mais de 90% desses dados estarão desestruturados (imagens, vídeos, arquivos MP3 e outros arquivos baseados em mídias sociais, por exemplo). Como a consultoria destaca, e com razão, esses dados estão recheados de informações, mas entendê-los e analisá-los é um grande desafio.

A principal dificuldade para as empresas não é gerenciar os grandes volumes de dados que estão sendo criados e sim as suas diferentes dimensões para permitir análises eficazes aproveitando o seu valor e obtendo um retorno real sobre eles.

A arte da comunicação

À medida que os dispositivos móveis e as mídias sociais se tornam mais presentes no dia-a-dia das pessoas, maior é a liberdade de utilizarem suas plataformas preferidas. Isso não só irá assegurar uma vantagem competitiva para as empresas como também se tornará comum. As pessoas estão cada vez mais interativas e esperam que as marcas se relacionem a partir das novas plataformas de mídias sociais, seja para saber mais sobre promoções de produtos de varejo ou sobre uma empresa que pretende discutir os desafios de segurança dos dados. Um item fundamental para fazer este novo diálogo funcionar é a velocidade com que as empresas podem responder e interagir, bem como sua capacidade de usar a compreensão do cliente para gerar e manter um bom relacionamento.

O que isso significa para o negócio?

A tecnologia de gerenciamento de dados pode ajudar as empresas a reunirem grandes volumes de dados de vários sistemas diferentes ao mesmo tempo em que reduz o custo de propriedade. Sistemas de gerenciamento de dados mestres podem integrar e migrar informações de diferentes fontes, incluindo a nuvem, permitindo às empresas acessar informações precisas e atualizadas dentro e fora da organização. Para conseguir um valor real a partir do Big Data, é fundamental que as empresas reúnam esses dados dispersos automaticamente e os apresentem de uma forma que faça sentido para a organização.

Ao relacionarem diferentes conjuntos de informações, as empresas podem criar uma visão única dos clientes, que fornecerá um insight valioso sobre suas necessidades individuais permitindo identificar a melhor forma de interagir com eles. Já é possível ver uma série de organizações que utilizam o Big Data para fornecer uma experiência mais personalizada e antecipar o que cada um está procurando, com base nos seus hábitos e atitudes manifestadas nestes novos canais de comunicação. Por meio de uma gestão eficaz do Big Data, as companhias podem obter benefícios tais como o envolvimento do cliente, aumento das vendas e informações valiosas sobre as tendências de consumo e comportamento. Desta forma, o Big Data proporciona uma oportunidade real para o aumento na retenção de clientes, o que é fundamental para o sucesso de empresas mais maduras, como bancos, seguradoras e operadoras

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.