BlackBerry vende parte de suas propriedades para uma universidade canadense

Por Redação | 27.12.2013 às 16:35

A luz no fim do túnel de problemas da BlackBerry ainda não apareceu. Enquanto isso, a empresa diminui seu staff e anunciou na semana passada a venda de parte de suas propriedades para a Universidade de Waterloo, no Canadá – a mesma que seu fundador frequentou.

A venda, fechada em 41 milhões de dólares – mas que não chega nem perto do prejuízo de US$ 4.4 bilhões – inclui 5 prédios em uma única quadra, e três deles serão ocupados em breve pela universidade. Os dois restantes serão alugados de volta pela BlackBerry.

Essa é mais uma medida da empresa que está afundando principalmente pelas baixas vendas do BlackBerry Z10, e que já fechou diversos escritórios e demitiu milhares de funcionários.

Prédios da BlackBerry