Backup vs Armazenamento: Do que realmente preciso?

Por Colaborador externo | 07.04.2014 às 16:30
photo_camera Divulgação

Por Thiago Rondon*

Os seus dados podem ter valores e usos diferentes. Algumas informações fazem parte da operação diária do seu negócio e precisam estar disponíveis para acesso imediato, outras devem ser armazenadas para resguardar a empresa em um evento futuro. A segurança desses dados também merece tratamentos diferentes.

Há várias soluções para backup disponíveis no mercado atualmente com diversas particularidades, que realizam cópias locais e externas. Apesar disso, ainda é muito raro encontrar soluções que ofereçam padrões de durabilidade seguros.

O backup é o processo de armazenamento de dados feito em um local acessível de modo imediato. Para que a solução seja realmente eficiente, o tempo de recuperação deve ser o mais rápido possível, oferecer diversos mecanismos para acelerar o procedimento de armazenamento no dia-a-dia e realizar recuperação o mais granular possível.

Já as soluções de armazenamento (Archive) são indicadas para locais que não necessitam de acesso imediato, mas que precisam manter as gravações seguras e de maneira organizada, com informações para facilitar o resgate de dados. Geralmente esta solução é adequada para armazenar informações que devem ser guardadas por longos períodos e em grandes quantidades como para a criação de históricos, cumprimento de obrigações legais, etc.

As soluções mais comuns para armazenamento são as fitas locais ou externas, que em um primeiro momento aparentam serem soluções "baratas". Porém, já há conhecimento de que requerem um grande esforço para que sejam realmente eficientes e seguras, já que necessitam de uma equipe especializada para lidar com elas, locais distintos geograficamente, além de espaços valiosos em data centers.

Há também outro fator importante para a escolha da solução mais adequada, presente em ambas as necessidades, que é o provisionamento de dados. Quando realizado acima da capacidade pode resultar em prejuízo e quando realizado abaixo pode resultar em crises operacionais. Mesmo quando o planejamento é assertivo, a manutenção é alta e o custo deste gerenciamento é complexo. No entanto, com as atuais tecnologias disponíveis para infraestrutura em nuvem, esse problema é facilmente resolvido, além de oferecer muito mais segurança, gerenciamento e durabilidade com custo acessível.

Em resumo, o backup e o armazenamento resolvem problemas diferentes e é possível que você tenha a necessidade de ambos. O backup irá resolver primariamente o problema de recuperação rápida de dados para que a operação do dia-a-dia não seja comprometida, enquanto o armazenamento de dados atende a necessidade de armazenar grande quantidade de informação por um significativo período sem a necessidade de recuperação imediata, mas que, apesar do baixo custo, exige inteligência.

*Thiago Rondon é CEO da b-datum, empresa brasileira de base tecnológica focada no desenvolvimento de soluções inovadoras de segurança digital por meio do monitoramento avançado e inteligente de backup em nuvem.