Aviate quer transformar tela principal de seu Android em central de informações

Por Rafael Romer | 27 de Junho de 2014 às 11h36

A nova versão do Android, o Android L, anunciado na conferência Google I/O não foi a única novidade de design que o sistema operacional recebeu nesta semana. Para aqueles que quiserem experimentar um visual diferente em seus smartphones, o Yahoo! lançou oficialmente na última segunda-feira (23) o aplicativo Aviate, que cria uma nova interface inteligente para dispositivos Android.

"Resumindo, o Aviate faz duas coisas muito bem. A primeira é simplificar o smartphone e, a segunda, disponibilizar informação de maneira inteligente na hora que for útil", explicou um dos fundadores do Aviate, William Choi, em entrevista ao Canaltech. "O que ele faz é limpar o telefone. O iPhone e o Android hoje são espaços estáticos para app, não são nada diferentes de computadores desktop em termos de organização de aplicações", complementou o cofundador Paul Montoy-Wilson. "E tem que existir uma maneira melhor de organizar as informações".

Além de criar um novo design para a tela principal e menus do smartphone, a aplicação facilita o acesso a uma série de informações através de "widgets" estilizados, que podem ser acessados com menus simplificados.

Ao acordar, por exemplo, o Aviate já te mostrará as notícias mais interessantes das suas editorias favoritas através do serviço Yahoo News Digest. Em um restaurante, ele pode te oferecer análises sobre o local ou sugerir um check-in. O app também reúne todas as informações sobre seus compromissos, contatos favoritos e aplicativos mais usados na tela principal, sem a necessidade de abrir apps específicos. "Nós queremos mover o smartphone de um mundo centrado em apps para um mundo centrado em informação", disse Montoy-Wilson.

Por enquanto, as principais integrações do app ainda estão com as plataformas do próprio Yahoo!, como o Yahoo News Digest, Yahoo Calendar e Yahoo Weather. O plano, no entanto, é de expandir a quantidade de serviços integrados ao Aviate para aplicativos terceiros.

Algumas funções, como os check-ins do Foursquare, já podem ser utilizados diretamente na plataforma e a tendência é que mais serviços sejam agregados. Enquanto estiver ouvindo música, o app também já mostra tuítes do artista em sua tela principal, além de informações sobre as datas dos próximos shows.

O aplicativo é resultado da aquisição da startup responsável pela criação do Aviate pelo Yahoo!. O negócio foi anunciado em janeiro deste ano durante a CES e só agora chega para todos os usuários, após um período de beta testing de quase nove meses.

O valor do negócio da aquisição nunca foi revelado, mas a plataforma gerou um interesse grande do Yahoo! pela capacidade do app em criar uma espécie de plataforma de computação preditiva. Desde a aquisição, a equipe de desenvolvimento do Aviate saltou de sete para o atual time de 30 pessoas.

A ideia do app é que ele também se torne mais inteligente conforme o usuário passe mais tempo com ele no smartphone, aprendendo padrões de atividade e agregando mais informações sobre o usuário – o que pode criar oportunidades interessantes para a estratégia e plataformas de publicidade do Yahoo!.

"O app aprende com o usuário de várias maneiras diferentes", explicou Choi. "Há coisas que o usuário não precisa agir, conforme você anda, os locais que você visita, nós aprendemos onde sua casa pode estar, onde seu trabalho pode estar. E há ações específicas dentro do app, como abrir um aplicativo, clicar em determiado conteúdo dentro de um espaço. Essas são as informações que nós agregamos".

A forma com a qual o Aviate aprende já chegou a ser motivo de preocupação de alguns usuários. No período de beta testing, uma falha no app chegou a disponibilizar informações da rotina de vários usuários através de uma simples busca online. O problema foi corrigido, mas o app ainda exige uma série de permissões do usuário para acessar conteúdos como localização geográfica e contatos.

Com a aquisição do app, entretanto, todos os aspectos de segurança ficaram agora sob a responsabilidade do Yahoo! e obedecem as guias de privacidade e uso de dados da empresa. "Um dos benefícios de estar no Yahoo! é ter um time de privacidade e segurança com o qual estamos trabalhando", afirma Choi. "Nós realmente pensamos sobre quais as implicações de podermos manusear esse tipo de dado e vamos continuar a informar os usuários sobre o que nós estamos coletando".

Os executivos não abrem muitos detalhes sobre quais devem ser as novidades para o aplicativos nos próximos meses, mas revelam que o grupo de desenvolvimento está dedicado a otimizar alguns dos principais problemas apontados pelos primeiros usuários do Aviate.

Entre eles, o consumo da bateria do smartphone, que é consideravelmente mais intenso, já que o app necessita estar sempre conectado a redes Wi-Fi, 3G, 4G e GPS para funcionar. "Nós acreditamos que isso é crítico", afirmou Montoy-Wilson. O app também deve receber novas funções de personalização, segundo os cofundadores. Atualmente, apesar de permitir o uso de widgets e alguma reorganização de apps, o Aviate cria uma interface mais ou menos padronizada para todos, o que ainda desagrada alguns usuários.

A plataforma também ainda é relativamente restrita, já que está só disponível para o Android 4.0 (Ice Cream Sandwich) ou superior. Segundo Choi, o time está trabalhando para disponibilizá-lo também para versões anteriores, como o Gingerbread (2.3), que deve ser lançado "nas próximas semanas". Outro problema é que a plataforma ainda está disponível somente em inglês.

A empresa não abre o número de usuários atuais da plataforma, mas revela que durante o beta, mais usuários instalaram o app de fora dos Estados Unidos do que dentro do país. Ainda não há previsão para o suporte localizado para outros países, no entanto.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.