Somando todos os dispositivos, Apple vende mais equipamentos que a Microsoft

Por Redação | 17 de Fevereiro de 2014 às 06h10
photo_camera Reprodução

Um dado interessante divulgado pelo site Quartz mostra que pela primeira vez a Apple ultrapassou a Microsoft em número de computadores vendidos. Entende-se por computadores todos os dispositivos vendidos pela empresa, sejam os móveis (iPad e iPhone), sejam os PCs.

Grafico Microsoft e Apple

Fonte: Quartz

Claro que a Microsoft ainda detém a maioria esmagadora do mercado de PCs, com o Windows dominando quase 90%. Porém, é interessante notar a força do mercado de aparelhos móveis, e como eles têm mudado os hábitos dos usuários.

Até poucos anos, utilizávamos o PC para todas as atividades na internet, seja para comunicação, leitura ou ouvir músicas e assistir filmes. Hoje o cenário mudou completamente, e utilizamos o smartphone e tablet para grande parte dessas atividades. Basta olhar a lista de contatos online no chat do Facebook: agora são pouquíssimos os que estão online pelo PC.

Claro que PCs e smartphones são categorias de produtos diferentes, e não há como compará-los de igual para igual. Porém, o fato da Apple ter ultrapassado a Microsoft em números absolutos mostra a força de sua divisão de aparelhos móveis. O Mac OS corresponde a menos de 4% do mercado mundial, logo, a grande quantidade de aparelhos vendidos são os com iOS.

Isso indica a mudança nas preferências dos usuários, que cada vez mais recorrem aos smartphones e tablets para atividades corriqueiras do dia-a-dia, deixando o PC apenas para aquelas mais complexas, principalmente produção de conteúdo – escrever textos e planilhas ou uso de softwares empresariais, que não podem ser realizadas em uma tela pequena e sem mouse e teclado.

Os dados também mostram a ainda tímida participação do Windows Phone, além do declínio na venda de PCs com Windows e a participação ínfima dos Macs na quantidade de aparelhos vendidos pela Apple, pouco mais de 10%.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.