Apple registra patente de conexão entre dispositivos por leitor biométrico

Por Redação | 06 de Março de 2014 às 18h00

Uma nova patente publicada nesta quinta-feira (6) indica que a Apple pretende ampliar seus planos com o Touch ID no futuro. Segundo o site Cult of Mac, a patente permitiria conexão entre diferentes dispositivos Apple por meio do leitor biométrico.

O pedido para registro da tecnologia foi feito em 31 de agosto de 2012 e mostra diversas implementações que poderiam aumentar a segurança dos produtos Apple. Em um dos exemplos, o usuário seria capaz de acessar arquivos armazenados em outros dispositivos que lhe pertencem, como um Mac ou um iPad, apenas pela leitura de sua digital, registrada em todos seus aparelhos.

Foto: Reprodução/Cult of Mac

Patente leitor biométrico

Apesar da empresa da maçã trabalhar por enquanto somente com leitores biométricos e somente no iPhone 5S, a tecnologia cita ainda a opção de usuários enviarem impressões palmares, varreduras de retina, reconhecimento facial e assinaturas de voz, antes de permitir o acesso a dados em outros dispositivos. Contudo, nenhuma dessas áreas foi explorada ainda pela Apple, enquanto aplicativos de terceiros e concorrentes como a Samsung já possuem leitura de retina ou reconhecimento facial.

A patente também descreve a opção de atribuir diferentes níveis de segurança para diferentes arquivos. Sendo assim, aplicativos ou fotos tidas como mais importantes ou mais confidenciais poderiam necessitar de diversas autorizações, como uma combinação entre reconhecimento facial, leitura de retina e assinatura de voz. Vale comentar, no entanto, que essa função poderia tornar o acesso mais demorado e, por consequência, menos utilizado.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.