Apple quer desenvolver sistema de pagamentos móveis

Por Redação | 27.01.2014 às 11:30
photo_camera Divulgação

O iPhone 5S foi o primeiro celular do mercado a contar com uma nova e promissora tecnologia: a biometria. O problema é que o recurso serve apenas para destravar o aparelho, no caso, através da impressão digital com o chamado "TouchID". Mas, ao que tudo indica, a ferramenta pode ganhar novidades em breve: segundo informações do The Wall Street Journal, a Apple está desenvolvendo um sistema de pagamentos móvel que vai permitir aos usuários pagar por produtos ou serviços usando o smartphone.

Fontes disseram à publicação que o projeto ainda está em fase inicial e ainda não há uma data para anúncio ou lançamento. No entanto, há indícios de que a empresa está realmente produzindo o tal sistema. Eddy Cue, chefe do departamento do iTunes e da loja de aplicativos App Store, se reuniu com executivos da indústria para discutir o interesse da Apple em lidar com pagamentos de bens e serviços físicos em seus dispositivos.

Outra pista do interesse da companhia na criação do sistema é a mudança de cargos de Jennifer Bailey, que agora parece ter assumido o comando do projeto - antes, ela era uma das responsáveis pela loja virtual da Apple. Inclusive, Bailey já teria feito reuniões com pelos menos cinco empresários do mercado de pagamentos móveis.

Apesar dos rumores, não se sabe quais são os planos da Maçã em relação a essa tecnologia. Contudo, um especialista do setor acredita que o TouchID seria incorporado ao mecanismo como medida de segurança. Ao realizar uma compra, por exemplo, o consumidor precisaria colocar o dedo no leitor de impressões digitais para concluir a transação online.

Além disso, é provável que o sistema funcione em conjunto com o iTunes. O serviço já possui um serviço próprio de pagamento de diversos tipos de conteúdos, como filmes, livros e músicas comprados pela plataforma, o que pode facilitar no desenvolvimento do sistema de pagamento móvel.

Fato é que a Apple entrará em um mercado que cresce cada dia mais caso lance o projeto para pagamento no iPhone. A estimativa de empresas de pesquisas da área é que somente os norte-americanos vão gastar US$ 90 bilhões com pagamentos em plataformas móveis em 2017, contra apenas US$ 12,8 bilhões de 2012.