Aplicativos de Big Data são forte tendência nos negócios

Por Colaborador externo | 18.12.2012 às 11:05

por Ederson Riechelmann

Noventa por cento de toda informação global foi criada nos últimos dois anos e a contribuição das empresas tem sido absoluta, já que passaram a digitalizar, publicar e compartilhar informação com o mundo todo. Essa quantidade sem precedentes de informação (Big Data) pode significar mais inteligência desde que saibamos o que fazer com ela. Daí a importância das empresas de tecnologia da informação e comunicação (TIC), que se apressam em atender às necessidades de seus clientes, desenvolvendo aplicativos que prometem ser a grande tendência para o futuro.

Sem dúvida, são os aplicativos de Big Data (BDA) que vão reinar na era da informação do consumidor, principalmente aqueles voltados para as áreas comercial e de marketing. Com soluções analíticas e de otimização, é possível, por exemplo, cruzar informações que atendam ao perfil de atuação dos marqueteiros e recorrer a uma plataforma de automação de marketing digital. Tudo baseado nos relatórios que integram análises comportamentais (perfil detalhado do consumidor) com o processamento de dados em tempo real.

Mas, se a compra vem se tornando um ato cada vez mais consciente, por outro lado as empresas também estão sendo municiadas com um perfil analítico do consumidor mais completo do que nunca. Ou seja, com o cruzamento gigante de dados é possível ter acesso a todos os gostos e hábitos pessoais – o que contribui muito para as ações de marketing e o aumento do consumo.

Alguns aplicativos do Big Data também podem aumentar a segurança da rede. Da mesma forma com que temos acesso cada vez mais ao comportamento das pessoas, também conseguimos antever e diagnosticar problemas de segurança a tempo de serem corrigidos sem dar margem a ataques de hackers e crackers. Graças às novas tecnologias de armazenamento e análise de dados as empresas também estão conquistando um nível de segurança sem precedentes e que é forte tendência nos próximos anos. Afinal, para que essa quantidade inimaginável de informação circule livremente, é imperativo aumentar a segurança e oferecer um ambiente tecnológico favorável e proativo.

Esta nova era de Big Data é muito mais ainda do que foi mencionado. Estamos redefinindo o jeito com que a área de TI trabalha com os principais desafios da atualidade e antevê cenários a partir de sistemas computacionais, processos, conexões e bancos de dados. Sem dúvida, tal impacto será sentido nas empresas em curto prazo – desde a forma com que são estruturadas, como o operacional é realizado, até mesmo na gestão de investimentos e talentos.

*Ederson Riechelmann é diretor de outsourcing da UNIONE, empresa que atua nacional e internacionalmente na área de TI.