Com 2 tweets, investidor Carl Icahn valorizou Apple em US$ 17 bilhões

Por Redação | 14 de Agosto de 2013 às 12h18

As ações da Apple fecharam com alta de 4,75%, em US$ 489,57 (R$ 1.130), na tarde desta terça-feira (13) logo após o investidor Carl Icahn ter afirmado no Twitter que tem expectativas positivas com relação ao futuro da companhia. Icahn comentou em seu perfil que teve uma conversa com Tim Cook, atual CEO da Maçã.

O investidor, que adquiriu recentemente algumas ações da Apple em um total de cerca de US$ 1 bilhão (R$ 2,3 bilhões), como informa reportagem da Bloomberg, afirmou em seus tuítes que ele acredita que a companhia está subvalorizada, estimando um preço para as ações da Maçã em US$ 600 (R$ 1.385) cada. Carl Icahn também sugeriu a Cook que a empresa acelere o processo de recompra de ações.

A Apple, por sua vez, confirmou a conversa entre Icahn e seu CEO mais tarde por meio de nota oficial enviada ao site All Things D. "Agradecemos o interesse e o investimento de todos os nossos acionistas. Tim teve uma conversa muito positiva com o senhor Icahn hoje", revelou a companhia.

Carl Icahn tuítes Apple
Carl Icahn tuítes Apple

Segundo informações do BuzzFeed, os dois tuítes de Icahn apresentando um olhar otimista com relação ao futuro da Apple foram capazes de aumentar o valor de mercado da empresa em cerca de US$ 17 bilhões (R$ 39,2 bilhões). Para ter uma ideia do resultado positivo gerado pelas mensagens do investidor, o Netflix, por exemplo, vale cerca de US$ 15,3 bilhões (R$ 35,3 bilhões), um pouco abaixo do resultado atingido por Icahn no Twitter, enquanto a AOL vale US$ 2,8 bilhões (R$ 6,4 bilhões), cerca de um terço do valor de um único tuíte do investidor.

Para atingir o valor gerado pelas mensagens do investidor no microblog, seriam necessárias três BlackBerry, já que ela hoje vale cerca de US$ 6 bilhões (R$ 13,8 bilhões). Com US$ 2,8 bilhões (R$ 6,4 bilhões), a JC Penney vale cerca de um quinto dos tweets de Carl Icahn.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.