29% das PMEs que mais crescem são da área de TI e informática

Por Redação | 19 de Agosto de 2014 às 11h15

O setor de TI, informática e internet engloba 29% das 250 pequenas e médias empresas (PMEs) que mais crescem no Brasil, segundo ranking desenvolvido pela Deloitte. A categoria representa 70 das 250 empresas citadas no estudo.

Outros segmentos de destaque são os de serviços especializados, que representam 13% das empresas, enquanto a prestação de serviços fica com 10% do total. A receita líquida das 250 companhias que compõem o ranking soma R$ 14 bilhões.

Divididas por região, o sudeste contabiliza 57% das 250 empresas do ranking. A região sul representa 30%, enquanto a nordeste conta com 9%. As regiões norte e centro-oeste têm 4% das empresas cada. Outra característica identificada na pesquisa é uma tendência ao controle familiar, que representa 73% das empresas, enquanto o controle pulverizado foi visto em 20% dos casos.

O ranking foi feito com empresas que possuíam receita líquida entre R$ 3 milhões e R$ 300 milhões em 2012, não faziam parte de um conglomerado empresarial com mais de 50% do seu capital controlado por estrangeiros, em fase operacional no Brasil há mais de cinco anos e sem vínculo com grupo empresarial com receita líquida igual ou superior a R$ 2 bilhões por ano.

Para realizar o estudo a Deloitte disponibilizou um questionário em seu site e convidou aproximadamente 16 mil empresas para participar por e-mail. Entre elas, 464 empresas responderam ao questionário, 393 enviaram as demonstrações financeiras e 333 atenderam a todos os critérios de participação.

A primeira empresa de TI da lista é a DClick, na 3ª posição do ranking. A companhia teve uma receita líquida de R$ 17,4 milhões em 2012 e alcançou um crescimento de 489% em relação a 2010, quando a receita foi de 2,9 milhões. A DClick atua com mobile, UX, BI, outsourcing e desenvolvimento de aplicativos e possui clientes como Petrobras, Embraer, Johnson&Johnson, Porto Seguro e Yahoo. A empresa foi fundada em 2005.

Em 7º lugar está o Grupo i9, que apresentou crescimento de 338,8% entre 2010 e 2012, com uma receita líquida de R$ 22,2 milhões. A empresa é uma holding especializada em plataforma Microsoft. A matriz fica em São Paulo com filiais em Curitiba e Rio de Janeiro.

Em 12º no ranking está a Teevo, voltada para serviços nas áreas de equipamentos, consultoria e projetos, suporte e outsourcing e trabalha com fabricantes como HP, Microsoft, Trendmicro, Cisco e VMware. A Teevo cresceu 248,5% entre 2010 e 2012 e alcançou uma receita de R$ 49,9 milhões em 2012.

Outras empresas de TI, informática e internet entre as 50 melhores colocações no ranking são: Enalta Inovações (14º), Acesso Digital (18º), Exceda (22º), ClearSale (25º), P3Image (35º), TI Métricas Serviços (37º), SIS – Solução Integrada de Sistemas (38º), Gemelo do Brasil (40º) e ISH Tecnologia (49º).

Para a lista completa das empresas, acesse o estudo da Deloitte.

Fonte: http://www.baguete.com.br/noticias/15/08/2014/29-das-que-mais-crescem-sao-de-ti

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.