2016 é o sétimo ano consecutivo em queda nas vendas de PCs

Por Redação | 11 de Julho de 2016 às 22h40
photo_camera Divulgação

Os índices de queda são baixos, mas sem dúvidas apontam o declínio dos PCs. Um estudo do Gartner apontou que o despacho de PCs pelo mundo diminuiu 5,2% no segundo trimestre de 2016, registrando o sétimo ano em queda.

Os Estados Unidos foram o único país que registrou um aumento nos envios de computadores nos últimos quinze meses. As empresas que lideraram as vendas são Lenovo, HP, Dell, Asus, Apple e Acer.

Estimativas de despachos globais de PC por marca da Gartner (milhares de unidades):

Marca

Envios no 2º

trimestre 2016

Porcentagem

de mercado no 2º

trimestre 2016

Envios no 2º

trimestre 2015

Porcentagem

de mercado no 2º

trimestre 2015

Crescimento

2015-2016

Lenovo 13.190 20,5 13.491 19,9 -2,2%
HP 12.284 19,1 12.063 17,8 1,8%
Dell 9.788 15,2 9.490 14 3,1%
Asus 4.695 7,3 4.637 6,9 1,3%
Apple 4.559 7,1 4.793 7,1 -4,9%
Acer 4.417 6,9 4.401 6,5 0,4%
Outras 15.354 23,9 18.975 28 -19,1%
Total 64.295 100 67.851 100 -5,2%

Já a consultora IDC estimou que os despachos globais de PCs caíram 4,5% com Lenovo, HP, Dell, Asus e Apple na liderança.

Ambas as consultoras afirmam que a Lenovo e a Apple registraram queda, ainda que pequena, e que empresas menores fecharam o trimestre com uma diminuição de dois dígitos nas vendas.

Top 5 de marcas e despachos globais no 2º trimestre de 2016 pela IDC (milhares de unidades):

Marca

Envios no 2º

trimestre 2016

Porcentagem

de mercado no 2º

trimestre 2016

Envios no 2º

trimestre 2015

Porcentagem

de mercado no 2º

trimestre 2016

Crescimento

2015-2016

1. Lenovo 13.202 21,2 13.511 20,7 -2,3%
2. HP 12.964 20,8 12.330 18,9 5,1%
3. Dell 9.963 16 9.560 14,6 4,2%
4. ASUS 4.518 7,2 4.285 6,6 5,4%
5. Apple 4.420 7,1 4.820 7,4 -8,3%
Outras 17.297 27,7 20.791 31,8 -16,8%
Total 62.363 100 65.296 -4,5%
Data: 11/07/2016

"Uma das razões para este problema é o aumento de preço nos PCs em certas regiões devido ao enfraquecimento das moedas locais perante o dólar", explica o analista da Gartner Mikako Kitagawa. "A questão do preço impactou a Europa, Oriente Médio, África e América Latina no último ano. Entretanto, a queda no envio global de PCs se tornou modesta no segundo trimestre de 2016 em comparação aos períodos anteriores", observa.

A IDC salientou que o fim da atualização gratuita do Windows 10 pode ter colaborado para que alguns usuários comprassem novos em vez de fazer o upgrade em antigos. "O mercado de PCs continua abalado enquanto esperamos por substituições mais rápidas, além de retorno de gastos com telefones, tablets e outros dispositivos", afirma a analista da IDC Loren Loverdale. "Nossa previsão continua cautelosa", alerta.

Fonte Venture Beat

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.