Os 6 melhores filmes dos 8 anos de Marvel Studios

Por Gustavo Rodrigues RSS | em 06.05.2016 às 20h03

Os Vingadores The Avengers Filmes Marvel

Em 30 de abril de 2008, Homem de Ferro chegava aos cinemas brasileiros. Este seria o nascimento da Marvel Studios, mas o difícil era imaginar que a empresa conseguiria fazer tanto sucesso com suas produções. Era um personagem mais conhecido pelos leitores de quadrinhos numa época sem tantos longas de super-heróis, mas ali os elementos do que veríamos nos anos seguintes foram estabelecidos, principalmente as cenas pós-créditos. 

Com a chegada de Capitão América: Guerra Civil, muitos críticos e fãs o consideraram o melhor filme já feito pela Marvel Studios. Entretanto, ele seria mesmo a produção que mais merece elogios? Para tentar classificar quais são os melhores longas do estúdio, fizemos uma lista com os seis que mais nos agradam, seja por causa de roteiro, cenas de ação, empatia com os personagens, trilha sonora, etc.

Homem-Formiga (Ant-Man)

Homem-Formiga é um dos maiores exemplos de produções surpreendentes. O projeto original do longa existe desde 2006, quando os heróis da editora só apareciam nas telonas sob as mãos dos outros estúdios. Muitos problemas ocorreram nos bastidores, o que levou o diretor original da produção, Edgar Wright, desistir do longa com alegações de problemas criativos com a Marvel Studios. 

Com Payton Reed na direção, Paul Rudd assumiu o papel do protagonista Scott Lang, um ladrão que precisa se redimir com a própria filha depois de passar um período preso. Entretanto, tudo muda depois que ele conhece o cientista Hank Pym (Michael Douglas), que lhe apresenta as partículas Pym, um conceito cobiçado pelo ambicioso Darren Cross.

Homem-Formiga é dinâmico em suas cenas de ação, principalmente quando elas envolvem o encolhimento do super-herói, além de entregar um excelente relance do Microverso. Os personagens são carismáticos e o vilão desprezível, facilitando a empatia que o telespectador pode criar durante a trama. Entretanto, é o bom humor que chama atenção, já que ficam perceptíveis as características de Edgar Wright na narrativa. Conforme a teoria do nosso editor Leandro Souza, se Homem-Formiga passasse na Sessão da Tarde quando ele era criança, com certeza seria o filme predileto dele. Acredito que o meu também.

Para lembrar um dos grandes momentos do longa, veja as mirabolantes histórias contadas pelo hilário Luis (Michael Peña) no vídeo abaixo:

Homem de Ferro (Iron Man)

Todo o sucesso da Marvel Studios começou na bela introdução de Tony Stark ao grande público. O personagem nunca teve um grande número de fãs, nem mesmo entre os leitores de quadrinhos, mas a partir do momento que Robert Downey Jr. vestiu a armadura do gênio, playboy, bilionário e filantropo, tudo mudou. 

O Universo Cinematográfico da Marvel foi construído ao redor deste filme, tanto de seus elementos narrativos quanto do próprio Homem de Ferro. Humor, ação e prioridade ao ressaltar os heróis em vez dos vilões estão na produção dirigida por Jon Favreau. Mais do que isso, o ritual tão celebrado pelos fãs de assistir as cenas pós-créditos começou neste longa.

Um dos momentos mais épicos do filme, e de todas as produções da Marvel Studios, é a relação que Tony Stark e Yinsen constroem na caverna durante a criação da armadura clássica do Homem de Ferro. Aquele momento é a criação máxima do herói, já que o protagonista aceita seu destino como salvação da situação que se encontra e ainda perde seu "mentor".

Capitão América: O Soldado Invernal (Captain America: The Winter Soldier)

Capitão América não é um personagem muito bem visto pelo público ao redor do globo, principalmente por ser tão relacionado ao patriotismo americano, algo que pode afastar as pessoas das suas adaptações cinematográficas. Algo que pode ter feito o primeiro longa, O Primeiro Vingador, a ter uma bilheteria não tão expressiva.

Enquanto isso, a sequência, O Soldado Invernal, é aclamado por público e crítica. Ao criar um filme de espionagem política dentro de uma produção de super-heróis, os Irmãos Russo, Anthony e Joe, garantiram o espaço como principais nomes nas produções do estúdio. Ao trazer de volta o falecido Bucky Barnes como o Soldado Invernal, a trama não se prendeu apenas entre mocinhos e vilões, já que a grande ameaça do enredo é apenas alguém sendo controlado pela Hydra.

Um dos grandes feitos na direção foi criar tantas cenas de ação fluidas pela velocidade e movimentação das câmeras. A cena de abertura no navio contra o francês Batroc, a luta no elevador e os confrontos com o Soldado Invernal são os pontos altos do longa, que lembra bastante a franquia Bourne em combates corpo a corpo.

Os Vingadores (The Avengers)

Os Vingadores nunca foram muito populares fora dos grupos de fanboys, sendo até mesmo uma equipe menos relevante para a Marvel Comics do que os X-Men durante muitos anos. Entretanto, a vontade de ver a união daqueles personagens que haviam sido introduzidos anteriormente em um único filme era inevitável. 

Surpreendentemente, a trama do filme funciona muito bem. Os heróis têm espaço de tela suficiente, Loki, o vilão mais carismático da Marvel Studios, é vital como ponto de confronto da equipe, há boas cenas de ação e o Hulk ganha espaço digno de aplausos nas telonas.

Joss Whedon conseguiu construir uma trama que conseguisse trabalhar com elementos clássicos da HQ, como a união do grupo por causa dos planos do Deus da Trapaça, criar um simbolismo maior ao Capitão América e fazer com que o trabalho em equipe ganhasse um tom muito mais épico do que havia sido visto em outros filmes de super-heróis.

Capitão América: Guerra Civil (Captain America: Civil War)

Capitão América: Guerra Civil merece mesmo os elogios e até o hype que o faz ser considerado um dos melhores filmes da Marvel Studios. Os Irmãos Russo voltam a conduzir uma produção do herói bandeiroso e concluir o que eles haviam começado em Soldado Invernal. O sucesso da dupla faz com que seus elementos de direção em cenas de ação reapareçam no longa mais novo do estúdio.

Mais do que ser a terceira parte da trilogia de Steve Rogers, o longa coloca o Universo Cinematográfico da Marvel num tom mais obscuro, assim iniciando a fase 3 do estúdio. Os heróis também são antagonistas e o vilão é o grande vencedor no final das contas. O longa ainda evolui a personalidade de Tony Stark, que mais do que nunca assume a responsabilidade dos erros e ganha um peso dramático muito maior.

Além disso, o filme faz as excelentes inclusões de Pantera Negra e Homem-Aranha ao Marvel Studios, assim estabelecendo novos enfoques do estúdio para os próximos anos e trazendo tramas que fogem do que já havia sido construído nas produções anteriores.

Guardiões da Galáxia (Guardians of the Galaxy)

Este é o filme favorito de muitas pessoas, no universo Marvel. Os Guardiões da Galáxia eram personagens obscuros até para leitores casuais de quadrinhos, já que o universo cósmico da editora nem sempre foi bem retratado nas HQs. O longa era uma grande aposta do estúdio e se tornou um dos maiores sucessos, fazendo com que sua sequência seja uma das mais aguardadas para 2017.

Sem um elenco tão estrelado, um diretor pouco popular (James Gunn), personagens que ainda não possuíam empatia com o público e trailers que não revelavam tanto do longa, Guardiões da Galáxia se provou pela narrativa descompromissada, piadas ótimas e principalmente em seu uso da trilha sonora, que mais parece algo concreto do que abstrato.

Quando se imaginava uma árvore falante e um guaxinim ao lado de personagens humanoides, a sensação de estranheza era praticamente uma certeza. Entretanto, tudo flui muito bem. Groot é mais humano sem falar palavras diferentes; Rocket é um elemento de combate e descontração excelente. 

Peter Quill é o elemento humano e tem esse lado realçado desde seu início trágico quanto ao lutar contra o vilão Ronan em prol do universo. Se o longa não tivesse um protagonista tão carismático e envolvente, dificilmente o desenvolvimento da história seria tão envolvente. Não é por acaso que Chris Pratt cresceu em Hollywood após interpretar o Senhor das Estrelas.

Você mudaria a lista? Sentiu a falta de algum? Qual deles é seu preferido? Conte pra gente nos comentários!

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome