5 lições de marketing nas redes sociais aprendidas com o ALS Ice Bucket Challeng

Por Colaborador externo | 27 de Agosto de 2014 às 16h20
photo_camera Divulgação

Por Adam Junqueira*

Membro da direção do ALS Greater New York Chapter, Robert Tuchman acompanhou a evolução do agora famoso #ALSIceBucketChallenge – que visa aumentar a consciência global a respeito da Esclerose Lateral Amiotrófica – de perto e nomeou os pontos mais importantes do impacto das mídias sociais na campanha. Longe de ter acabado ou mesmo perdido o fôlego, a campanha talvez seja o maior case de viral de sucesso de todos os tempos e, embora seja complicado replicar uma ideia e obter os mesmos resultados, muitos pontos positivos podem ser destacados e postos em evidência.

Tuchman listou as 5 principais razões do sucesso ALS Ice Bucket Challenge e como podemos utilizá-las para fazer nossas próprias ideias e negócios decolarem. Confira na sequência!

1. O poder do vídeo

Vídeos tem mais tendência a “viralizar” porque assisti-los é uma experiência maior do que simplesmente olhar para uma foto. Com o apoio da popularidade global do YouTube e do Facebook, se um conteúdo chamar atenção ele dispara na velocidade da luz e alcança cada vez mais pessoas. Muito do sucesso do Ice Bucket Challenge nesse caso se deu pelo fato do compartilhamento de vídeos somente recentemente ter se tornado uma forma de conteúdo chave do Facebook.

2. A diversão

Quando uma coisa é divertida para o participante e igualmente divertida para os espectadores a combinação é perfeita. Jogar um balde de gelo na cabeça é um ato tão simples e tão bobo que qualquer um pode se relacionar. Quem não quer ver conhecidos nessa posição comprometedora, principalmente se você puder participar?

3. O apelo das celebridades

Por ser divertida, pessoas de todas as idades, posições e histórias de vida se tornaram parte da campanha, inclusive celebridades. A participação das estrelas em forma de patrocínio custaria uma fortuna, principalmente no furor do momento de uma campanha viralizada.

4. O timing

O momento para a campanha funcionar não podia ser mais perfeito, sendo pleno verão na maioria dos lugares no hemisfério norte do planeta, onde a campanha vem fazendo mais sucesso, um clima aceitável para esse tipo de façanha. Poucas pessoas adeririam à onda de jogar um balde de água gelada na cabeça em pleno inverno, mesmo que para uma causa válida como a ALS.

5. O lado da caridade

As pessoas sentem que fazem parte de alguma coisa de duas formas. Além de ter uma experiência compartilhada por milhares de pessoas, o elemento da caridade transformou a ação em marketing de bem-estar. A maioria das pessoas, principalmente famosos, não teria participado se não fosse por uma causa filantrópica.

A principal lição tirada da ALS Ice Bucket Challenge é que se o plano básico de mídias sociais é bem construído, não há limites para o efeito que ele pode ter no seu negócio. Pense sempre no que você deseja alcançar e que, às vezes, a mais simples e divertida ideia, combinada com o momento certo, pode ter um grande impacto.

*Adam Junqueira é redator do Grupo Impacta Tecnologia

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.