Aplicativos 32-bit não serão mais compatíveis depois do macOS Mojave

Por Patrícia Gnipper | 05 de Junho de 2018 às 17h34
TUDO SOBRE

Apple

No primeiro dia de WWDC, conferência anual da Apple para desenvolvedores, que começou ontem (4), a companhia de Cupertino revelou novidades sobre o novo macOS, chamado de Mojave. Além de vários novos recursos, como empilhamento de arquivos similares no desktop e uma nova App Store, o sistema também traz outra novidade: ele será o último da Maçã com suporte a aplicativos 32-bit.

Depois do Mojave, as próximas versões do macOS não serão mais compatíveis com esse tipo de app, rodando apenas os que são 64-bit. Sebastien Marineau, vice-presidente de softwares da Apple, disse ainda que uma das missões-chave da empresa com os Macs é sempre estender suas capacidades ao máximo, se aproveitando das últimas tecnologias, o que significa abandonar funcionalidades obsoletas para garantir que a plataforma não fique para trás.

A medida impactará no atual framework do QuickTime, além de Carbon HLTB e Java 1.6, que serão removidos. A Maçã também confirmou que o novo Xcode 10 também não terá suporte a apps 32-bit.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Fonte: UberGizmo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.