Linux 4.8 tem bug que pode comprometer seu kernel, admite criador do sistema

Por Redação | 05 de Outubro de 2016 às 10h34

Depois de oito versões de teste, o Linux 4.8 finalmente foi lançado neste domingo (02) para a alegria dos fãs do software livre - ou não! Enquanto muita gente comemorava a mais recente versão do sistema do pinguim, Linus Torvalds, seu criador, soltava os cachorros e distribuía palavrões na lista Linux Kernel Mailing.

Nesta terça-feira (04), Torvalds admitiu que o sistema foi liberado com alguns bugs que podem "comprometer o kernel". Na lista oficial de desenvolvedores que cuidam do SO livre, ele se desculpou pelo ocorrido e reclamou do responsável por corrigir a falha, que persiste no sistema desde a versão 3.15.

"Peço desculpas por ter aplicado as correções enviadas pelo Andrew [Morton] antes de liberar a versão 4.8, pois essas porcarias estão causando problemas", bradou na mensagem enviada ontem. De acordo com ele, a tal correção foi pior que o bug em si, pois "o bug original jamais colocou o sistema em perigo".

Ao que tudo indica, Morton vem debugando o kernel do Linux utilizando práticas consideradas perigosas pelo seu criador. Sobre isso, Torvalds esbravejou: "Já alertei inúmeras vezes as pessoas que usam o BUG_ON() para debugar. Por que raios insistem em fazer isso?". "Desculpem-me por estar furioso, mas é que as pessoas continuam insistindo nessa porcaria nos últimos 15 anos".

Embora tenha reconhecido as falhas cometidas, Morton se defendeu dizendo que não tem motivos para querer prejudicar o Linux e que jamais faria isso intencionalmente.

Obviamente, o problema será resolvido, mas que ficou um climão esquisito na comunidade que mantém o sistema operacional livre, isso ficou.

Via The Register

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!