Samsung pede que tribunal reduza o valor da indenização a ser paga para a Apple

Por Joyce Macedo | 19 de Junho de 2015 às 08h52

A Samsung pediu para um tribunal de apelações revisar o valor da sentença a ser paga para a Apple por danos relacionados à violação de patentes durante uma disputa de longa data entre as empresas.

Em 2011, a Apple processou a Samsung alegando que os smartphones da sul-coreana infringiam várias patentes do iPhone. O Tribunal Distrital do Distrito Norte da Califórnia concedeu uma indenização de US$ 930 milhões à Maçã depois de um júri considerar que a Samsung violou patentes de utilidade e design e as diluiu em seus produtos lançados ao longo dos anos. As "ideias roubadas" estão relacionadas com a aparência geral dos aparelhos e também suas embalagens.

Um painel composto por três juízes do Tribunal de Apelações do Circuito Federal dos Estados Unidos concordou no mês passado com o veredito do júri sobre as violações de patente e design, mas reverteu parte da decisão que favoreceu a empresa de Cupertino pedindo que US$ 382 milhões do valor total fossem revistos.

Apesar do pedido de revisão do Tribunal de Apelações, US$ 548 milhões ainda deveriam ser pagos pela Samsung, que agora está pedindo um corte de mais US$ 399 milhões do saldo de indenização. O valor seria referente a uma concessão de todo o lucro obtido a partir de produtos que teriam violado patentes de design da Apple. O tribunal tinha instruído o júri de que a Apple tem o direito a todos os lucros obtidos pela Samsung com as vendas de dispositivos que infringem patentes de design da companhia.

"Diferente de tapetes, colheres e objetos mecânicos simples, smartphones incorporam centenas ou milhares de diferentes tecnologias patenteadas", escreveram os advogados da Samsung. A Apple ainda não se manifestou oficialmente sobre o assunto.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!