Samsung acusa LG de manchar sua imagem corporativa por meio de publicidade

Por Redação | 27.03.2013 às 10:16

Na última segunda-feira (25), a Samsung Electronics processou a rival LG Electronics e exigiu US$ 45 milhões (cerca de R$ 90 milhões) de indenização por ter denegrido a imagem da marca. As informações são do jornal The Korea Herald.

A ação foi movida na última sexta-feira (22), e a Samsung alegou que a LG havia divulgado anúncios publicitários com informações falsas sobre a empresa, e que poderiam afetar a reputação e a imagem da marca. A ação marca o mais recente capítulo na série de processos movidos pelas duas maiores fabricantes de eletrônicos sul-coreanas.

Anteriormente, a LG ganhou cerca de US$ 9 milhões em uma ação contra a Samsung, quando alegou que a empresa havia utilizado uma sequência de imagens controversas em uma propaganda no YouTube comparando o tamanho dos refrigeradores das suas companhias.

O vídeo, postado pela Samsung em agosto de 2012, mostrava a capacidade do seu próprio refrigerador em comparação com o refrigerador da concorrente, que derramava água e conseguia armazenar apenas pequenas latas.

Agora, os registros mostram que a Samsung afirmou que foi a vez da LG "manchar sua imagem corporativa" por meio da divulgação de anúncios que continham fatos mal interpretados pela companhia como estratégia de publicidade.

Lembrando que a competição jurídica entre as duas gigantes sul-coreanas não para por aí, já que suas afiliadas - Samsung Display e LG Display - também estão envolvidas em processos por patentes de tecnologia de displays OLED e LCD.

Leia também: Samsung e LG disputam por primeira TV OLED curvada do mundo