Político russo afirma que Snowden aceitou o asilo oferecido pela Venezuela

Por Redação | 09.07.2013 às 14:32

Alexei Pushkov, político russo muito próximo ao governo central do país, afirmou em seu perfil no Twitter (e depois apagou a mensagem) que Edward Snowden, que espera a resposta de seus pedidos de asilo no aeroporto de Moscou, Rússia, teria aceitado o asilo oferecido pelo governo da Venezuela. A notícia saiu no Boing Boing.

A mensagem, que foi deletada poucos minutos após sua publicação, afirmava que "como esperado, Snowden aceitou a proposta de [Nicolás] Maduro. Aparentemente, essa opção parecia ser a mais confiável para Snowden". Uma hora depois, Pushkov informou por meio de outro tweet que a informação sobre Snowden partiu de um boletim do 'Lead 24', que faz parte de um sistema de alertas da vesti.ru, rede social local.

Publicações estatais da Rússia e dos Estados Unidos informaram anteriormente que a Venezuela havia confirmado o pedido de asilo político de Edward Snowden, que é procurado pelo governo norte-americano por espionagem governamental depois de divulgar documentos sobre o programa PRISM. Por enquanto, nenhuma confirmação oficial sobre o caso foi divulgada e, se Snowden aceitar o asilo venezuelano, ainda não ficará claro como ele fará o trajeto entre Moscou e Venezuela, já que seu passaporte americano foi revogado pelas autoridades do seu país de origem.

Leia também: Edward Snowden vira a principal atração em aeroporto de Moscou