Juíza clama por 'paz mundial' entre Apple e Samsung

Por Redação | 07 de Dezembro de 2012 às 12h27

A eterna novela entre Apple e Samsung já está deixando até juiz cansado de esperar. As investidas processuais em relação à quebra de patentes parecem intermináveis, e a juíza que vem tratando do caso pediu um cessar-fogo na guerra entre as duas titãs do mundo dos smartphones e tablets. Saiu no Business Insider.

"Eu acho que já é o momento de paz mundial", disse a juíza americana Lucy Koh após presenciar contestações de equipes das duas empresas e novas propostas realizadas por elas após o último veredicto, em seu tribunal do Vale do Silício, durante horas a fio nesta última quinta-feira (6).

Após ter perguntado no tribunal se haveria alguma coisa que ela pudesse fazer, a juíza deixou claro que gostaria que o final do duelo entre as empresas fosse bom para os consumidores, para a indústria e também para ambas as partes envolvidas. No entanto, isso mexeu com os advogados das respectivas empresas.

Charles Verhoeven, advogado da Samsung, respondeu ao desafio dizendo que a sul-coreana estava disposta a negociar um acordo com a Apple, mas deixou claro que, dessa vez, a decisão está nas mãos da Apple.

Já o advogado Harold McElhinny, da Apple, não expressou nenhum interesse em elaborar um acordo. Ele optou por pedir à juíza para utilizar de artifícios legais que sejam suficientes para dissuadir a Samsung de copiar os produtos da Apple.

Depois de muitas horas de debates e discussões, Koh finalmente disse às rivais: "Tenho várias questões a fazer, pois existem muitos problemas, e todos são bastante complexos (...) Estou planejando emitir ordens em parcelas, organizadas por assunto". E explicou que suas decisões sobre as propostas seriam distribuídas nas semanas ou meses seguintes. Mais cenas para os próximos capítulos.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.