FaceTime vai suportar chamadas em grupo no iOS 11, diz fonte

Por Redação | 20.01.2017 às 23:04
photo_camera Divulgação

Desde que chegou no mundo dos smartphones, o FaceTime, serviço de videochamadas próprio da Apple para iOS, só suporta que a conversa seja feita entre duas pessoas. No entanto, isso está prestes a mudar: de acordo com uma fonte de Israel, a Apple vai passar a liberar chamadas em grupo no aplicativo a partir da próxima versão do seu sistema móvel, que chega este ano.

O iOS 11, como de costume, deve ser revelado na WWDC, que acontece tradicionalmente em junho. O evento é uma apresentação das novidades da Apple para o público de desenvolvedores, mas é transmitido ao vido para o mundo inteiro. As principais atualizações são liberadas em forma de beta para, depois, serem disponibilizadas ao grande público, em setembro.

De acordo com o GSM arena, a informação vem de várias pessoas inteiradas sobre o processo de desenvolvimento do sistema operacional. Aparentemente, o iOS 11 está sendo desenvolvido, ao menos em partes, em Israel. A novidade vai garantir suporte a videoconferências com até cinco participantes simultâneos, e segundo os informantes, vai depender do aplicativo Mensagens para acontecer.

Fonte (em hebraico): The Verifier, via GSM Arena