Brasil é deixado de lado em planos de expansão do Apple Pay em 2017

Por Redação | 02.08.2017 às 11:49 - atualizado em 03.08.2017 às 08:21

Ao que tudo indica, o plano de expansão internacional do Apple Pay não é uma grande prioridade da empresa da Maçã.

Afinal, a última ação de implementação do sistema ocorreu em maio deste ano, com a chegada da tecnologia de pagamento na Itália, sendo este apenas o 16º país do mundo a receber a tecnologia.

Atualmente, o Apple Pay está em vigor nos seguintes países: Estados Unidos, Reino Unido, China, Austrália, Canadá, Irlanda, França, Hong Kong, Rússia, Singapura, Japão, Nova Zelândia, Espanha, Itália, Suíça, Taiwan.

Para melhorar um pouco este cenário, a Apple anunciou nesta terça-feira (1), em conferência de divulgação de resultados financeiros da companhia, que está trabalhando para implementar o sistema em mais 20 países até o final do ano, incluindo Dinamarca, Emirados Árabes Unidos, Finlândia e Suécia.

Além disso, há rumores de que o Apple Pay também seja disponibilizado na Alemanha, Bélgica, Coreia do Sul e Ucrânia.

Como podemos notar, mais uma vez o Brasil não entrou na lista de localidades que receberão a tecnologia de pagamentos móveis da Maçã. Infelizmente, o jeito é esperar para que isso ocorra no ano que vem.

Fonte: MacRumors