Brasil é deixado de lado em planos de expansão do Apple Pay em 2017

Por Redação | 02 de Agosto de 2017 às 11h49
TUDO SOBRE

Apple

Ao que tudo indica, o plano de expansão internacional do Apple Pay não é uma grande prioridade da empresa da Maçã.

Afinal, a última ação de implementação do sistema ocorreu em maio deste ano, com a chegada da tecnologia de pagamento na Itália, sendo este apenas o 16º país do mundo a receber a tecnologia.

Atualmente, o Apple Pay está em vigor nos seguintes países: Estados Unidos, Reino Unido, China, Austrália, Canadá, Irlanda, França, Hong Kong, Rússia, Singapura, Japão, Nova Zelândia, Espanha, Itália, Suíça, Taiwan.

PECHINCHAS, CUPONS, COISAS GRÁTIS? Participe do nosso GRUPO DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Para melhorar um pouco este cenário, a Apple anunciou nesta terça-feira (1), em conferência de divulgação de resultados financeiros da companhia, que está trabalhando para implementar o sistema em mais 20 países até o final do ano, incluindo Dinamarca, Emirados Árabes Unidos, Finlândia e Suécia.

Além disso, há rumores de que o Apple Pay também seja disponibilizado na Alemanha, Bélgica, Coreia do Sul e Ucrânia.

Como podemos notar, mais uma vez o Brasil não entrou na lista de localidades que receberão a tecnologia de pagamentos móveis da Maçã. Infelizmente, o jeito é esperar para que isso ocorra no ano que vem.

Fonte: MacRumors

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.