Apple revela detalhes sobre pesquisas de saúde usando dados do Apple Watch

Por Claudio Yuge | 13 de Setembro de 2019 às 21h40
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Apple Watch Series 5

Ficha técnica

A Apple anunciou durante a apresentação do iPhone 11 e do Apple Watch Series 5, um novo aplicativo para o smartwatch, chamado Apple Research. A empresa chefiada por Tim Cook chegou a mencionar que o aplicativo seria usado para fazer coletas voluntárias de dados em prol de avanços de pesquisas de saúde — e agora a companhia dá mais detalhes para que possamos entender um pouco mais como isso funcionará.

O objetivo do app é permitir que interessados em colaborar possam enviar suas informações de maneira fácil e privada para a Maçã, apenas utilizando o Apple Watch. A companhia adiantou que não serão explorados detalhes pessoais e nem será possível associar os dados a usuários específicos.

O app Apple Research (Imagem: Apple)

Inicialmente, o utilitário trabalhará em três frentes:

  • Estudo de Saúde da Mulher: trabalho conjunto com a escola pública de pós-graduação de Harvard T.H. A Chan e o Instituto Nacional de Ciências da Saúde Ambiental, em um estudo de longo prazo sobre "ciclos menstruais e condições ginecológicas";
  • Estudo do Coração e do Movimento: parceria com o Brigham and Women's Hospital e a Associação Americana do Coração para um extenso estudo sobre como a frequência cardíaca e a mobilidade — como caminhar e subir escadas — se relacionam com as taxas de hospitalização, saúde do coração, quedas e outros dados relacionados à qualidade de vida;
  • Estudo de Audição: em conjunto com a Universidade de Michigan, a Apple examina fatores que afetam a saúde auditiva para entender como a exposição rotineira ao som pode causar a deterioração da audição

O Apple Watch se tornou um gadget altamente voltado para a saúde e bem-estar, e essa iniciativa faz parte do posicionamento ainda mais forte do produto nesse setor. Em 2017, por exemplo, a Gigante de Cupertino realizou o amplo Apple Heart Study, que incluiu mais de 400 mil participantes.

Fonte: Business Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.