Apple começa a banir aplicativos que violam novos termos de uso

Por Redação | 10.06.2014 às 11:42

Com as novas políticas da App Store que virão à tona com o iOS 8, aplicativos como o Candy Crush, que oferecem recompensas para os usuários que compartilham resultados alcançados nas redes sociais, deverão mudar de estratégia para não serem removidos da loja.

Isso porque apps que oferecem incentivos ao compartilhamento nas redes sociais, bem como os que incentivam os usuários a assistirem vídeos em troca de créditos para jogos e que promovem aplicativos de terceiros violam os novos termos de uso da companhia.

De acordo com o Engadget, vários desenvolvedores já tiveram seus apps recusados de acordo com as novas regras. Já houve, inclusive, o caso de um aplicativo já publicado que foi removido por infringir as novas normas.

Há várias plataformas de monetização para aplicativos que utilizam essas técnicas e essas novas regras trarão grandes impactos para os desenvolvedores. A Tapjoy é um exemplo, pois permite que o usuário faça o download de algum aplicativo oferecido em troca de créditos, o que gera toda uma economia em torno de apps que pagam para estarem listadas como opção de download.

As medidas da Apple visam limpar a App Store de aplicativos feitos com o simples propósito de ganhar dinheiro, mas acabará atrapalhando apps legítimos, como o Candy Crush, e milhares de outros títulos que dependem disso para sua monetização.

A empresa já havia anunciado algumas mudanças e melhorias na App Store durante o WWDC. As principais delas dizem respeito ao descobrimento de novos aplicativos por parte dos usuários. Pensando nisso, faz sentido a empresa proibir a promoção de apps terceiro dentro de um app instalado como forma de dar mais ênfase ao que está sendo desenvolvido pela companhia.