Usuários da TIM e Vivo conseguem se manter conectados ao 4G mais de 60% do tempo

Por Redação | 28 de Junho de 2017 às 12h27

A OpenSignal, empresa especializada em medição de sinais 3G e 4G, divulgou um novo relatório que indica que a qualidade do 4G no Brasil melhorou. O estudo levou em conta 939,4 milhões de medições em 40,7 mil smartphones no Brasil entre 10 e 31 de maio deste ano.

Segundo o relatório, TIM e Vivo conseguem manter seus usuários conectados à rede LTE em mais de 60% do tempo. A TIM leva uma pequena vantagem, com 65,1% do tempo dos usuários conectados na rede, enquanto a Vivo possui 62,2%. Logo em seguida aparece a Claro com 49,4% do tempo dos usuários conectados. A Oi ficou na última colocação entre as empresas testadas, com 48,6% do tempo, ainda que tenha comprovado um aumento de 5,3% desde a última medição.

No quesito velocidade, a Claro aparece na liderança alcançando uma média de 29,2 Mbps. O resultado é bastante expressivo comparado às concorrentes, visto que a Vivo, que aparece na segunda colocação, tem uma média de 20,5 Mbps. A Oi é a terceira melhor posicionada, com 15,2 Mbps, seguida pela TIM que possui 13,4 Mbps de velocidade média. No caso das medições do sinal 3G, a Nextel, que está inclusa apenas nesta categoria, aparece na liderança com velocidade média de 4,6 Mbps. Claro (4,2), Tim (4), Vivo (3,3) e Oi (2,7 Mbps) aparecem na sequência.

A Claro também liderou o ranking de menor latência com resultado de 56,9 milissegundos. A Vivo foi a que apresentou pior desempenho nestes testes, com 67,1 ms, precedida da TIM (58,9 ms) e Oi (64,1 ms).

De acordo com a OpenSignal, "a disponibilidade do 4G está aumentando no Brasil". A empresa observou ainda que "no último relatório nenhuma operadora era capaz de entregar conexões 4G aos usuários mais de 60% do tempo". "Agora duas operadoras, TIM e Vivo, atingiram resultados superiores a 62%".

Via Convergência Digital

Fonte: http://www.convergenciadigital.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?UserActiveTemplate=site&infoid=45566&sid=17#.WVO4vmhv_cc