Spotify oferece emprego de "Presidente das Playslists" para Barack Obama

Por Redação | 10 de Janeiro de 2017 às 14h11

O dia 20 de janeiro de 2017 será marcado pelo fim da gestão de Barack Obama como presidente dos Estados Unidos. No entanto, enquanto Donald Trump se prepara para assumir uma das cadeiras mais importanates do mundo, Obama já recebeu um novo convite de emprego: Presidente das Playlists no Spotify.

Recentemente, Obama brincou dizendo que esperava um emprego no serviço de streaming de músicas ao deixar a Casa Branca. O Spotify parece ter ouvido a reinvidicação e já postou uma nova vaga em sua página dedicada a empregos na empresa. O anúncio diz que os candidatos devem ter "pelo menos oito anos de experiência comandando uma nação altamente conceituada. Outras exigências incluem "uma atitude calorosa e amigável, e um Prêmio Nobel da Paz".

Na descrição de tarefas da vaga, a empresa diz que o candidato vai identificar novas ideias de playlists para diversos momentos, desde realizar uns arremessos de basquete com os amigos até preparar um discurso "sobre legislação de saúde pública que leve o seu nome", em uma referência ao Obamacare.

O CEO do Spotify, Daniel Ek, deu a dica para Obama no Twitter: "Ouvi dizer que estava interessado em um emprego no Spotify. Você já viu este?".

Obama tem usado o Spotify para compartilhar suas playlists com músicas favoritas desde 2015. As listas incluem faixas de artistas como Nina Simone e Bob Marley. No entanto, a brincadeira do emprego no serviço começou há pouco tempo. "Ainda estou esperando meu emprego no Spotify... Porque sei que todos vocês gostaram da minha playlist", disse o presidente norte-americano à Natalia Brzezinski, esposa de um ex-embaixador dos Estados Unidos na Suécia.

Via USA Today

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.