Siga o @canaltech no instagram

Preço da banda larga no Brasil cai 83% em 8 anos; TIM registra aumento

Por Wagner Wakka | 12 de Abril de 2019 às 14h26
Tudo sobre

Anatel

Saiba tudo sobre Anatel

Ver mais

O preço da internet banda larga fixa no Brasil tem mostrado queda nos últimos anos, segundo mostra um estudo da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Os resultados exibem a variação do preço médio de 1 Mbps contratado no país entre 2010 e 2018. Nos oito anos de análise, houve queda de 83% no custo.

Há nove anos, era preciso gastar R$ 21,18 por 1 Mbps de internet contratada em banda larga fixa. Isso caiu para R$ 3,50 em 2018. O motivo, segundo o professor do curso de Engenharia de Computação do Instituto Mauá de Tecnologia em entrevista para o UOL, são vários.

Relação de preço das teles e a média nacional com o tempo (Arte de dados: Anatel)

O primeiro deles é que houve ampliação da cobertura, além da adoção de novas tecnologias, como fibra óptica residencial, que ajudaram a ter uma velocidade maior, sem elevar exatamente o custo.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Quanto mais os usuários adotam planos com velocidades mais altas, a tendência é que o preço de 1 Mbps caia. Em uma analogia simples, é o mesmo que comprar um refrigerante de 2 litros comparando o preço com o da lata. Embora se pague mais por mais produto, o custo-benefício é maior.

O mesmo acontece com a contratação de internet, tendo em vista que o aumento das velocidades dos planos não proporcionalmente reflete no preço. Isso quer dizer que, dobrar o Mbps não significa necessariamente dobrar o custo da assinatura.

A mesma pesquisa mostra avanço na velocidade contratada no Brasil. Em 2015, data mais antiga registrada, 33,9% dos usuários tinham internet com velocidades entre 512 kbps e 2 Mbps. Tal número caiu para 15,1% em 2018.

Em contrapartida, conexões acima de 34 Mbps passaram de 3,4% para 26,1% no mesmo período. Em suma, a análise da Anatel mostra aumento constante de contratações de velocidade mais altas contra queda de pacotes mais lentos.

Operadoras

A média do custo de internet banda larga caiu 83%, contudo, não são todas operadoras que apresentam esta redução. Desde 2010, a Vivo registrou maior queda no preço do Mbps. Há nove anos, era preciso pagar R$ 41,6 por 1 Mbps, sendo que o custo caiu para R$ 3,3 em 2018. No total, a queda foi de 92%.

Evolução do preço da internet banda larga no Brasil (Arte e dados: Anatel)

A empresa é acompanhada por Oi, com queda de 91,5% no período, Sercomtel, com 67,4% e Claro/NET, com 67%. A TIM foi a única empresa que registrou aumento de preço na internet banda larga fixa no período.

Fonte: Anatel, UOL

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.