Oito dicas para turbinar seu Gmail

Por Ultradownloads

Talvez um dos aplicativos mais conhecidos do Google, o Gmail possui uma das interfaces de uso mais amigáveis entre os e-mails gratuitos atuais, e ao mesmo tempo oferece tantas funcionalidades quanto um usuário avançado poderia querer.

Para mostrar apenas algumas delas o Canaltech mostra oito utilidades que normalmente não utilizamos em nosso dia-a-dia. Confira!

1. Armazene seus arquivos na página "Rascunhos" do Gmail

Com seus quase 8 GB de armazenamento de forma gratuita, por que não utilizar o Gmail como backup de arquivos importantes? Basta colocá-los como anexo em e-mails na pasta de rascunhos e baixá-los quando precisar.

Outra alternativa é utilizar um programa que faz isso automaticamente para você, como o GMail Drive, que cria um drive virtual em seu Windows para você realizar uploads diretamente para sua conta no Gmail.

Usar o Gmail como forma de armazenamento de arquivos

2. Remova a formatação de textos copiados

Já tentou copiar um texto que achou na internet para seu e-mail? Caso positivo, sabe que o sistema copia a formatação utilizada no site, o que é muito bom em alguns casos mas ruins se você deseja que ele seja colado como texto simples. Para isso o Gmail desenvolveu o botão de "Remover formatação" na barra de ferramentas. bastando selecionar o texto e clicar nesse ícone para ter o texto com um mesmo padrão.

Remoção de formatação no Gmail

3. Cole imagens diretamente no texto

Quando vemos alguma imagem legal na Internet e queremos compartilhar com alguém via e-mail, normalmente realizamos o download e depois a enviamos para o e-mail. Um pouco burocrático, não acha? Em vez disso, apenas clique com o botão direito na imagem que quer inserir em seu e-mail, seja de uma página web ou de um arquivo de seu computador, copie e simplemente cole no texto.

Colar imagens diretamente no Gmail

4. Acesse seus e-mails localmente

Embora raro, os servidores do gmail saem do ar de tempos em tempos. Para você não ficar na mão é possível escolher entre duas opções: usar um cliente de e-mails de desktop, como o Thunderbird ou o Microsoft Outlook, ou habilitar o Gmail Offline no menu "Configurações" de seu e-mail. Com qualquer uma dessas opções você terá acesso offline tanto às suas mensagens quanto aos anexos que estiverem nelas.

Erro no servidor do Gmail

5. Configure o Gmail como cliente de e-mail padrão

Alguns sites possuem a opção de contato via e-mail com o desenvolvedor ou responsável, e para isso é necessário configurar o cliente padrão utilizado pelo browser. Confira abaixo as opções para os dois navegadores mais utilizados:

  • Google Chrome digite chrome://settings/handlers e escolha entre as opções disponíveis.
  • Mozilla Firefox clique em "Firefox", "Preferências" e depois em "Aplicações" para selecioná-lo.

Preferência do Firefox

Preferência do Chrome

6. Instale em seu Android ou iPhone e sincronize seus dados

Tanto o iPhone quanto os smartphones que rodam o sistema operacional Android possuem inúmeros aplicativos para acessar o seu Gmail inclusive com um desenvolvido especialmente pelo Google. A vantagem em utilizá-los (fora o fato de ser muito prático acessar e-mails via celular) é que eles permitem sincronização tanto de dados quanto de contatos, de forma que se você fizer besteira em um deles, pode recuperar seu trabalho em outro.

Gmail no iOS

Gmail no Android

Gmail no Android

7. Recupere seus contatos

O Gmail armazena automaticamente as informações dos contatos que recebem e enviam e-mails ao lado dos adicionados pelo usuário, o que é ótimo para não termos que memorizar os e-mails de cada pessoa que queremos trocar informações. De tempos em tempos o Google armazena uma cópia desses contatos, de forma que caso você delete algum por engano, basta ir até "Contatos", "Mais" e depois "Restaurar".

Restauração de contatos

8. Fique de olho no número de IP de acesso

Caso entremos em nosso Gmail em várias localidades diferentes em um curto espaço de tempo, recebemos um alerta com os registros dos números IP e localizações aproximadas dos últimos logins. É muito importante conferir esses números, pois talvez seja o método mais seguro de verificar se nossa conta foi invadida ou se a esquecemos logada em algum computador usado recentemente.

Registro de IP

E você, usuário? Conhecia todas as dicas acima?

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!