Novo vídeo do Porta dos Fundos causa furor nas redes sociais

Por Redação | 04 de Abril de 2016 às 06h30

O último vídeo publicado pelo Porta dos Fundos rendeu polêmica nas redes sociais e no YouTube. Com mais de 2,7 milhões de visualizações, "Delação" satiriza as delações premiadas da Lava-Jato, criticando a posição da Polícia Federal diante das denúncias feitas sobre políticos do PSDB e PMDB.

O vídeo, protagonizado por Gregorio Duvivier e Fábio Porchat, mostra um agente da Polícia Federal ouvindo depoimentos sobre o envolvimento de deputados dos dois partidos em esquemas de corrupção. Apesar dos relatos, o agente, interpretado por Duvivier ignora as informações e procura evidências para incriminar a presidente Dilma e o ex-presidente Lula.

O fato é que os dois minutos do esquete foram suficientes para gerar revolta nos espectadores que estão contra o governo, e em dois dias de publicação ele teve mais de 360 mil descurtidas no YouTube contra cerca de 190 mil curtidas. Os espectadores também se manifestaram por meio de comentários, formando uma grande discussão entre os que estão a favor e os que estão contra o governo. Para se ter dimensão da polêmica causada, os comentários no próprio canal do YouTube já ultrapassaram a marca dos 92 mil. A maioria critica o posicionamento do canal diante dos acontecimentos no Brasil, incentivando os espectadores a descurtirem o vídeo.

Diversos vídeos de resposta também têm sido feitos por usuários do YouTube, mostrando toda a repercussão negativa gerada.

porta dos fundos

Em momento de crise política e de grande envolvimento da população, prova-se que a influência de dois minutos de vídeo é suficiente para prejudicar a imagem até mesmo de um coletivo de humor. Parece que, em meio a um turbilhão político, as piadas podem ser interpretadas como de péssimo gosto.

Assista ao vídeo.

Via: ilisp

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.