Inteligência artificial cria vídeos automaticamente a partir de notícias

Por Redação | 07.04.2016 às 00:21 - atualizado em 07.04.2016 às 08:16

Novidade interessante para os diversos produtores de conteúdo do mundo: já temos à disposição um serviço que, em um passe de mágica, converte notícias em texto para vídeo. A ferramenta se chama GliaStudio e utiliza inteligência artificial para fazer essa transformação de formatos com maestria.

Na era da Internet, a velocidade de comunicação é um item essencial no cotidiano e é fácil imaginar uma realidade em que notícias exibidas em vídeos curtos, direto ao ponto, sejam mais consumidas do que notícias por escrito. No entanto, produzir vídeos autorais não é um trabalho tão simples quanto pode parecer, e uma ferramenta como o GliaStudio pode servir justamente para ajudar quem não tem capacidade técnica, tempo ou dinheiro para embarcar na produção de vídeos.

Basicamente, o que a IA faz é analisar as palavras do texto e resumir a história, sem perder seu sentido, gerando um vídeo com imagens relacionadas ao conteúdo da notícia. A narração do resumo criado pela inteligência artificial é de uma voz também “robótica”, como se fosse um locutor humano.

GliaCloud

Basta inserir o link da notícia original e a inteligência artificial cria o vídeo-notícia rapidamente (Reprodução: GliaStudio)

A companhia existe desde 2015 e é a galinha dos ovos de ouro de David Chen, programador e designer que consta na seleta lista de especialistas técnicos em destaque do Google Experts. A startuptambém é de Dominique Tu, que tem mais de vinte anos de experiência no desenvolvimento de negócios com influência no mercado publicitário.

Quem desejar contratar o GliaStudio, pode escolher entre comprar o uso da ferramenta a cada novo vídeo, ou ainda fazer um acordo com a companhia dividindo os lucros da publicidade do vídeo. A startup também oferece uma versão gratuita do serviço que já vem com publicidade pré-definida - opção que pode ser interessante para pequenas editoras e influenciadores independentes.

Agnes Peng, COO da companhia, é responsável por fornecer aos produtores de conteúdo a análise de dados de seus vídeos, para que todos fiquem a par da performance de cada vídeo-notícia quanto a feedbacks dos leitores, por exemplo, entre outras métricas de interesse.

Confira um exemplo de notícia em vídeo produzido pela inteligência artificial da startup:

Fonte: Mashable