Fundador do Alibaba diz que produtos falsificados são melhores que originais

Por Redação | 16 de Junho de 2016 às 11h10

Jack Ma, fundador da maior rede de comércio eletrônico da China, o Alibaba, afirmou que muitos produtos falsificados conseguem superar os originais em qualidade. A declaração do executivo acontece em um período de forte crescimento de produtos falsificados em e-commerces chineses. Recentemente, o Alibaba foi acusado por revendedores e grandes marcas mundiais de tolerar e permitir a venda de produtos piratas.

"O problema é que os produtos falsificados, hoje, têm mais qualidade e preços melhores que os verdadeiros", disse Ma. "Eles usam exatamente as mesmas fábricas, os mesmos materiais, mas não usam o nome (das marcas)", afirmou. Apesar das declarações, o executivo dono de uma das maiores fortunas do mundo acredita que é possível resolver o problema.

Em maio, o site Taobao, de propriedade do Alibaba, passou a controlar com mais rigor a venda de bens de luxo, exigindo que os vendedores mostrem provas de autenticidade. As autoridades chinesas também estão tomando medidas para inibir a pirataria no comércio eletrônico. No final do ano passado, a China anunciou que irá combater a venda de produtos falsos na internet usando recursos de computação em nuvem, Big Data e regras mais rígidas sobre a identificação de usuários.

O país planeja erradicar as violações aos direitos de propriedade na internet dentro de três anos. Segundo a agência estatal Xinhua, em 2014, mais de 40% dos produtos vendidos online na China eram falsificados ou de má qualidade.

Via Folha de S. Paulo, Reuters

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.