Elon Musk quer criar site de avaliação de notícias e jornalistas

Por Wagner Wakka | 25 de Maio de 2018 às 07h59

Elon Musk é conhecido por ser bastante ácido com veículos de mídia e nesta semana propôs uma ferramenta no mínimo controversa para avaliar jornalistas. Chamada de Pravda, a proposta do CEO da SpaceX era uma plataforma em que o público poderia dar notas a um jornalista, editor ou publicação.

“Vou criar um site onde o público possa avaliar a verdade básica de qualquer artigo e acompanhar a pontuação de credibilidade ao longo do tempo de cada jornalista, editor e publicação. Pensando em chamá-lo Pravda”, disse Musk pelo Twitter.

A proposta segue alguns preceitos básicos de outros aplicativos como Yelp e até Uber, em que o usuário pode avaliar o serviço depois de utilizá-lo. Como ainda não existe uma ferramenta para avaliar de forma precisa a qualidade de uma informação ou a credibilidade de um jornalista e/ou um veículo, a ideia de Musk viria para preencher esse vazio.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Atualmente, outra empresa jogou para o público parte da responsabilidade de escolher o que é verdade ou não. O Facebook vem testando uma série de ferramentas que dá ao usuário opções para avaliar se uma notícia é verdadeira. Contudo, parte dos usuários simplesmente denunciam uma publicação porque discordam dela. Sobre esta crítica, Musk rebate: “Não apenas precisa ser à prova de bots, mas procurar e desmascarar qualquer operação de desinformação e exército de bots”.

Contudo, esta não é uma ação tão simples assim.

Por fim, Musk criou uma votação para brincar sobre o assunto. Ele chama os usuários para escolher entre criar ou não o site. Nas opções estão “sim, isso seria bom” ou “não, mídias já são demais”.

Com 88% votando pelo sim, ele ainda brincou. “Surpreendentemente, os votos em ‘mídias já são demais’ estão caindo, mesmo com centenas de matérias atacando esta votação”.

Embora tenha feito essa brincadeira, Musk não demonstrou interesse em realmente criar a tal plataforma.

Fonte: TechCrunch

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.