Dropbox ganha função de colaboração em equipes

Por Redação | 22.09.2015 às 15:58

Com sua nova função, o Dropbox quer tornar o processo de colaboração com equipes ainda mais fácil e dinâmico, esteja o usuário utilizando contas pessoais ou corporativas. Na adição, baseada convenientemente de “Teams”, é possível criar pastas para grupos específicos de pessoas e dar a elas acesso irrestrito a todos os arquivos que ali estiverem.

Com liberação prevista para acontecer ao longo desta e da próxima semana, o Teams expande outra característica que já era reconhecida do Dropbox, a criação de uma pasta pública. Agora, porém, dá para escolher exatamente quem vai ter acesso aos dados e criar uma organização maior para diversas atividades de trabalho, por exemplo.

Facilitar a utilização também é um intuito aqui. Por meio de um sistema de previsão, o Dropbox será capaz de indicar pessoas para criação de times, com base naqueles com quem você já dividiu documentos antes, ou reconhecer outros usuários em um mesmo domínio de email para criar uma lista de contatos. Também dá para escolher se os convidados poderão chamar outras pessoas para as equipes, criar subpastas para usuários específicos e definir se os documentos podem ser compartilhados externamente.

É uma funcionalidade que, de certa maneira, já estava presente na versão do Dropbox para corporações, mas com mecanismos de segurança adicionais e maior customização no compartilhamento. Agora, porém, fica disponível até mesmo para os usuários gratuitos, sejam empresas ou pessoas.

Mas é no primeiro nicho, na verdade, que o Dropbox deseja focar. Apesar de estar encontrando bastante sucesso com suas opções corporativas, a companhia sabe que a maioria de seus usuários ainda está nas opções gratuitas. Sendo assim, abre ainda mais o leque de opções de forma a fomentar o uso e, mais do que isso, fazer com que os tiers pagos sejam atrativos e ganhem cada vez mais adeptos.

Falando nessa diferenciação, outra novidade também vai permitir que os usuários façam a troca de contas sem precisar efetivamente deslogar do serviço. Na funcionalidade, é possível entrar com as credenciais dos perfis pessoais e corporativos simultaneamente, fazendo a modificação rápida de um para outro e acessando os arquivos de uma forma muito mais prática.

Com o tempo, o que o Dropbox mais quer é aumentar sua base de usuários pagantes. Hoje, são mais de 400 milhões de pessoas utilizando os serviços da empresa e, de acordo com as estimativas da própria, pelo menos 60% deles os adotaram como uma ferramenta de trabalho. Para a companhia, isso acaba gerando uma progressão natural de utilizadores grátis para contas profissionais e, com a adição de funções, o serviço vê o melhor caminho para fazer isso sem limitar a utilização.

Fonte: Dropbox