Dilma mostra insatisfação sobre modelo de governança da internet

Por Redação | 11 de Novembro de 2015 às 11h09

A presidente Dilma Rousseff gravou um vídeo transmitido na abertura oficial do Fórum de Governança da Internet defendendo a globalização da ICANN, instituição que supervisiona as funções e números da Internet.

Apesar de não poder estar presente pessoalmente no evento em João Pessoa (PB), a presidente afirmou que a descentralização da supervisão da internet é um desafio. "Um importante desafio diz respeito à conclusão de reforma do sistema de supervisão das funções centrais da internet, que deve resultar em uma estrutura de caráter global que efetivamente responda às demandas e anseios da sociedade e preste contas de sua atuação", declarou.

Além disso, Dilma afirmou que as decisões importantes devem ser tomadas em conjunto e não apenas por um único "país ou grupo de poucos países com ascendência sobre os demais". Para ela, não há como aceitar decisões tomadas por apenas um ou poucos membros.

PECHINCHAS, CUPONS, COISAS GRÁTIS? Participe do nosso GRUPO DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A líder brasileira também chamou a atenção de maneira indireta ao processo de desvinculação do calendário da ICANN com o governo norte-americano, que foi adiado em um ano, para setembro de 2016, e ainda não está garantido. Muitos governos nacionais desejam fazer parte da governança da internet e acreditam que temas relevantes devam ser tratados em instâncias ligadas à tratados internacionais da ONU.

Outro ponto que a presidente voltou a chamar a atenção durante seu vídeo para o Fórum de Governança da Internet foi a questão da espionagem universal das agências de espionagem norte-americanas. Segundo Dilma, essas atitudes inflamam ativistas ao redor do mundo. “Não há oposição de multissetorialismo e multilateralismo: alguns temas requerem atuação multilateral”, afirmou.

Fonte: Convergência Digital

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.