Campanha contra o assédio às mulheres usa anúncios impossíveis de silenciar

Por Redação | 01 de Junho de 2016 às 18h50

Se você é mulher, é bem provável que já tenha sofrido algum tipo de assédio ao longo de toda a sua vida. Seja na rua, no local de trabalho, em um shopping, em uma festa, infelizmente quase nenhuma mulher está livre de ser alvo de homens que ainda insistem em “mandar elogios”.

Para conscientizar exatamente este público, o Instituto Maria da Penha criou uma série de anúncios em forma de vídeos que não podem ser pulados ou silenciados. Realizado pela agência F.biz, o projeto veiculou os anúncios em páginas com público predominantemente masculino, como ESPN, GQ e UOL.

O anúncio aparecia na tela sempre que o usuário tentava ver algum vídeo e nenhum dos controles exibidos na tela funcionava para pular, parar ou silenciar a exibição. No vídeo, é possível ver um homem repetindo coisas que muitas mulheres escutam costumeiramente — e se já é chato assistir a um vídeo de poucos segundos sem poder fazer nada, imagina enfrentar isso na vida real, às vezes quase todo dia.

Além dos vídeos, o projeto Cale o Assédio inclui o site www.caleoassedio.com.br, no qual é possível conferir mais sobre a campanha e também assinar um abaixo-assinado para aumentar as punições para este tipo de assédio.

Fonte: Agência F.biz