Brasil ocupa 42º lugar em ranking dos países mais conectados do mundo

Por Redação | 11.05.2016 às 02:33

Não estamos no topo da lista dos países mais conectados do mundo, mas também não estamos tão mal assim. Foi o que revelou a 5ª edição do estudo GfK Connected Consumer Index, que classifica 78 países de oito regiões conforme seus níveis de conectividade. A pesquisa elaborada pela GfK, especialista em análises de mercado, também detalhou quais os dispositivos mais utilizados.

Desses 78 países, o Brasil está na 42º posição, representando o segundo lugar na América Latina - logo atrás do Chile, que apareceu em 20º lugar, mas à frente da Colômbia (53º), Argentina (54º) e Peru (60º). “Apesar de economicamente menos representativo que o Brasil, o Chile tem legislação mais favorável a investimentos e uma penetração da banda larga mais alta que os demais países do Continente Sul Americano”, avalia o diretor geral do Grupo GfK no Brasil, Felipe Mendes. O ranking é liderado por Hong Kong, pelos Emirados Árabes e pelos Estados Unidos, que estão nas três posições de destaque.

O relatório, cujo objetivo é oferecer ao mercado um panorama global da conectividade nos últimos cinco anos, também graduou quais os diferentes dispositivos utilizados pelas pessoas na hora de se conectar, entre notebooks, computadores, tablets, smartphones, videogames, vestíveis, etc. Por aqui, o aparelho mais utilizado são os smartphones, que respondem por mais de 45% do índice nacional, mas os vestíveis e as smart TVs apresentarem um crescimento significativo como instrumentos de conectividade da população. “Em apenas um ano, os wearables cresceram 10% e as TVs 11%. São tecnologias novas que ganham força e tendem a se popularizar nos próximos anos”, acredita o executivo.

ranking de conectividade GfK

Porcentagem dos dispositivos mais utilizados no Brasil ao longo dos últimos cinco anos (Reprodução: GfK)

Fonte: GfK