Balões de internet do Project Loon chegam à Indonésia em 2016

Por Redação | 29 de Outubro de 2015 às 13h45

Executivos das três maiores operadoras de telefonia da Indonésia revelaram ao lado de Mike Cassidy, executivo da Alphabet, a ambiciosa iniciativa de levar acesso à Internet por todo o país por meio de balões. O Projeto Loon irá funcionar em um período de teste no local a partir do próximo ano, onde cada balão irá espalhar conexão por uma região equivalente a um diâmetro de 40 quilômetros.

A Indonésia é o quarto país a receber os testes do Projeto Loon, que já levou 30 balões desde 2013 a Nova Zelândia, Austrália e Brasil. Estes testes ajudaram a Alphabet a firmar parcerias com as empresas de telecomunicações que formam parte importante neste projeto. Segundo Cassidy, fazem parte dos planos enviar centenas de balões à Indonésia para expandir o projeto a todo o país.

Para a nação, a expansão ao acesso à Internet é importante visto que apenas um em cada três habitantes do país podem se conectar à web -e mesmo assim, muitos sofrem com a deficiência das conexões, que possuem velocidades extremamente lentas para as necessidades modernas. Através do Projeto Loon, a Alphabet será capaz de dar um sinal produzido a partir de uma das empresas de telecomunicações da Indonésia e redistribuí-lo através dos céus

Serão utilizados 20.000 balões de hélio no país para levar acesso à Internet, em especial para as regiões rurais. A partir daí, os usuários irão visualizar a conexão como uma rede Wi-Fi padrão em seus dispositivos. As velocidades de download, conforme acordado entre as empresas que fazem parte do projeto, será de até 10 Mbps, o que significa 1Mbps abaixo da média de velocidade nos Estados Unidos.

Em cada balão estarão incorporados dois rádios transmissores, um localizador GPS, um computador de bordo, painéis solares para alimentarem os equipamentos e um sistema de controle de altitude para a orientação do balão. Cada balão deverá operar em funcionamento por 187 dias.

O Projeto Loon faz parte dos esforços da Alphabet em levar a internet para mais de 4 bilhões de pessoas ao redor do mundo que não possuem acesso à rede. Mais usuários de internet significam mais usuários de produtos e serviços da Alphabet, especialmente relacionados às pesquisas do Google e ao sistema operacional Android, que é o software móvel dominante no planeta, em especial nos países subdesenvolvidos.

A Alphabet não é a única a investir na expansão das conexões ao redor do mundo. O Facebook possui uma própria iniciativa, chamada de Internet.org, que planeja levar acesso por meio de drones a regiões de difícil acesso. Esses aparelhos, que possuem a envergadura de um Boeing 747, são projetados para permanecer no ar por até 90 dias.

Fonte: The Verge

Fonte: http://recode.net/2015/10/28/alphabets-project-loon-to-test-internet-balloons-in-indonesia/