Aprenda a controlar os anúncios que você vê no Facebook e no Google

Por Sérgio Oliveira

É pouco provável que ainda haja pessoas que acreditem que sites como Google e Facebook são verdadeiramente gratuitos. O modelo adotado por esses gigantes da internet já é manjado há um bom tempo, não cobrando financeiramente nada dos usuários e se sustentando dos caminhões de dinheiro investido por quem quer posicionar alguma propaganda na plataforma.

O problema é que já tem alguns anos que esse modelo está um tanto quanto saturado, o que acaba fazendo com que propagandas que não têm nada a ver com seu gosto acabem pipocando na sua linha do tempo do Facebook ou resultado de buscas no Google. Para não eliminar de vez esse recurso, que querendo ou não é bastante importante para continuar tendo serviços e sites gratuitos como esses, há maneiras de indicar quais são seus gostos e, dessa forma, receber propagandas apenas daquilo que lhe interessa.

Por que se importar?

Não há como negar que quando mal posicionadas e mal direcionadas, propagandas podem irritar muita gente. Contudo, hoje vamos pensar positivamente e enxergar tudo isso como algo bom e necessário para sites e serviços que tanto gostamos.

Sem entrar no mérito dos bloqueadores de anúncio, é importante entender que nem Facebook nem Google oferecem maneiras nativas de evitar a exibição de anúncios e tudo o que é veiculado nos dois sites é baseado no seu interesse. Isso significa que você ou pode fornecer aos dois sites indicativos daquilo que gosta para que eles possam direcionar apenas anúncios do seu interesse, ou omitir essas preferências e ser bombardeado com propagandas aleatórias.

É bem verdade que os anúncios podem irritar, mas eles são essenciais para manter serviços como Facebook e Google gratuitos

É bem verdade que os anúncios podem irritar, mas eles são essenciais para manter serviços como Facebook e Google gratuitos (Imagem: Reprodução)

Em ambas as formas, você continuará recebendo anúncios. Então por que não visualizar apenas ofertas daquilo que gosta?

Como tornar os anúncios do Facebook relevantes

Muito mais do que uma simples rede social, o Facebook também é um banco de dados gigantesco que armazena todos os seus gostos e preferências. Ou seja, todas aquelas conversas de que ele coleta tudo o que você faz no site são verdadeiras e não há como fugir disso.

Mesmo assim, isso não significa que a criação de Mark Zuckerberg sempre acertará na hora de oferecer uma propaganda para você. Para que isso realmente aconteça, é possível dizer ao site exatamente o que lhe interessa e o que você não dá a mínima.

Basta acessar a página de Preferências de Anúncios da rede social para encontrar uma lista enorme daquilo que o site considera interessante para você e ir filtrando o que há ali. Clique no "X" para excluir algo desinteressante; em "Desfazer" caso tenha apagado algo por acidente e adicione novos tópicos a partir da busca na parte superior ou sugestões que aparecem no bloco à direita.

Preferências de Anúncios do Facebook

A tela de Preferências de Anúncios do Facebook nos permite ter uma ideia geral do que a rede social classifica como de seu interesse. Na listagem, é possível excluir um interesse inserido ali automaticamente (2) e desfazer uma exclusão errada (3). A partir da busca (1), é possível adicionar manualmente seus interesses; o que também é possível de se fazer a partir das sugestões (4) do próprio site (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

Depois de dar um tapa nessa listagem gigantesca, o Facebook começará a exibir anúncios mais relevantes para você.

Como controlar esses interesses

São grandes as chances de você nunca ter acessado essa parte do Facebook, o que deve levá-lo a questionar "por que e como esses interesses estão aqui?". A verdade é que o Facebook adicionava e continuará adicionando interesses automaticamente a esta lista a não ser que você o impeça de fazer isso.

Para isso, acesse as Configurações de Anúncio do Facebook e perceba que há três opções aqui. São elas:

Configurações de Anúncio do Facebook

A partir das Configurações de Anúncio você pode definir exatamente como a rede social trabalhará os anúncios no seu perfil (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

  • Anúncios baseados no uso de sites e aplicativos: Com esta opção ativada, o Facebook rastreará e adicionará à lista de interesse os sites que você acessa e têm o botão da rede social. Desativá-la não fará com que Zuckerberg não saiba por onde você andou, mas impedirá que esses sites sejam adicionados à lista automaticamente.
  • Anúncios com minhas ações sociais: Com essa opção ativada, sempre que você curtir, comentar e compartilhar um post de uma página, ou fizer login em um site com as credenciais do Facebook, aquela página/site entrará para sua lista de interesses. Além disso, seus amigos passarão a ver a ação que você tomou em relação àquilo sem que você saiba.
  • Anúncios baseados nas minhas preferências: Esta porção explica como o Facebook coleta informações sobre você e as leva para a lista de interesses que falamos ali em cima.

Como bloquear anúncios e anunciantes

Agora que você sabe um pouco como funciona o sistema de interesses para oferta de anúncios do Facebook, é chegada a hora de aprender a bloquear uma propaganda ou anunciante em específico.

Sempre que se deparar com uma publicação patrocinada na sua linha do tempo, perceba que você tem a opção de clicar em um pequeno "X" na parte superior direita dele. Feito isso, três (ou quatro, no caso de produtos) opções irão aparecer.

Anúncio patrocinado no Facebook

No Facebook, os anúncios vêm com opções que permitem o usuário escondê-lo ou até mesmo obter mais informações sobre o porquê daquilo estar aparecendo ali (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

A primeira delas instrui a rede social a ocultar aquilo imediatamente, indicando que você não tem qualquer interesse por aquele anúncio. Caso a ação se refira a um produto, você poderá indicar que já possui aquele item, mais uma vez indicando que não tem interesse na campanha. A opção "Esse anúncio é útil" serve para você sinalizar à plataforma que conteúdos pagos como aquele lhe interessam e, portanto, mais coisas desse tipo devem ser exibidas. Por fim, a opção "Por que estou vendo isso?" abre um pop-up com informações sobre o que o Facebook utilizou para direcionar aquele conteúdo a você. Além disso, você também poderá bloquear todas as ações publicitárias do anunciante caso ele não lhe interesse.

Pop-up de controle de anúncios do Facebook

No pop-up, o Facebook explica como aquele anúncio foi parar no seu perfil e dá a opção de bloquear toda e qualquer propaganda daquele anunciante, bastando clicar em "Ocultar todos os anúncios de..." (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

Como tornar os anúncios do Google relevantes

A publicidade online é o pilar de sustentação não só do Google, mas também de todos os seus serviços. Gmail, YouTube, Android, Maps... Nenhum escapa. Como é de se imaginar, esses anúncios são apenas a ponta do iceberg de um complexo sistema de coleta de dados sobre você utilizado pelo Google.

Tal qual o Facebook, o buscador mais popular da atualidade rastreia seu comportamento por toda a internet e define uma lista de interesses que você pode visualizar nas Configurações de Anúncios do Google. A partir desta página, é possível excluir interesses clicando na caixa de remoção ou adicionar novos interesses no botão apropriado. A empresa até disponibiliza uma lista com todas as categorias possíveis de serem adicionadas aqui.

Lista de interesses armazenados pelo Google

Assim como no Facebook, o Google coleta e registra seus interesses automaticamente. Aqui, também é possível inseri-los manualmente clicando no botão "Adicionar novo interesse". Para apagar um interesse, basta desmarcar a caixa de seleção de cada um deles (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

Como controlar esses interesses

O Google controla tudo o que interessa ou não ao usuário utilizando uma ferramenta chamada DoubleClick. Presente em praticamente todos os sites da web, é ela a responsável por reportar ao Google tudo o que você faz por aí - e o pior de tudo é que é bem difícil impedi-la de fazer isso.

Controle de anúncios do Google

Rolando a página de controles de anúncios do Google é possível definir se a empresa pode exibir propagandas baseadas nos seus interesses ou se eles devem ser aleatórios - para isso, basta desativar a opção "Anúncios baseados nos seus interesses" (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

Mas, como estamos falando da internet, sempre há uma solução para tudo. Nesse caso, ela atende pelo nome de DoubleClick Opt-Out, um plugin para Firefox, Chrome e Internet Explorer que bloqueia o envio de cookies para o Google toda vez que você acessar um site. Embora não seja algo tão personalizável como acontece no Facebook, é a única solução para se manter longe dos holofotes da gigante da web.

Interaja com anúncios mal direcionados

Mesmo após indicar manualmente quais são seus interesses e impedir que o Google receba relatórios sobre seus hábitos de navegação na web, são grandes as chances de uma propaganda sem noção aparecer aqui e acolá. Independentemente do motivo dele estar ali, você pode fechâ-lo e dizer ao Google o porquê não quer ver aquilo.

Para isso, bastar apontar o mouse para o canto superior direito de qualquer anúncio do Google e clicar sobre o pequeno "x" que aparece ali ao lado do "i". Essa ação fará com que o anúncio suma dali e avise o Google que você não tem nenhum interesse naquele conteúdo.

Desativar anúncio do Google

Anúncios mal direcionados do Google podem ser ocultados ao clicar na opção "Parar de ver este anúncio". Feito isso, basta dar um motivo para a gigante da web não exibir mais conteúdos como aquele (Imagem: Captura de tela / Sergio Oliveira)

Após fazer isso algumas vezes, Mountain View refinará a forma como lhe oferece publicidade e acertará mais.

Pronto, feito isso você garante que os dois principais sites do mundo trabalharão a seu favor, exibindo apenas conteúdo pago que realmente lhe interessa. Pode não ser o fim das propagandas bizarras e conteúdo mal direcionado, mas certamente é um começo para tornar toda a publicidade online mais interessante e relevante.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.