Agora é possível abrir ou fechar uma conta corrente pela internet no Brasil

Por Redação | 25 de Abril de 2016 às 16h56
photo_camera Divulgação

Abrir ou fechar uma conta corrente no Brasil deve ficar mais fácil nos próximos meses. Isso porque o Conselho Monetário Nacional (CMN) autorizou nesta segunda-feira (25) que pessoas físicas façam esses dois procedimentos diretamente pela internet, sem a necessidade de comparecer pessoalmente a uma agência bancária, como é exigido até então.

Hoje, alguns bancos já permitem que seus futuros clientes preencham um formulário na web para antecipar toda parte burocrática na hora de abrir uma nova conta. Mesmo assim, esses usuários tinham de ir até a agência para assinar a papelada e concluir a operação. A partir de agora, todo esse processo poderá ser feito virtualmente, sem sair de casa. As regras valem tanto para novos clientes quanto para aqueles que abriram uma conta pessoalmente em seus bancos.

O serviço é opcional e já pode ser oferecido pelos bancos, desde que disponham de ferramentas de controle para verificar a identidade dos clientes e evitar fraudes. Segundo o BC, isso poderá ser feito por meio de reconhecimento de imagem e de voz, ou ainda pelo envio de fotos e uso do certificado digital. Os bancos também poderão verificar há quanto tempo o solicitante tem seu e-mail ativo.

Além disso, todas as demais regras para a abertura de contas bancárias continuam valendo, como veracidade da situação cadastral, regras sobre tarifas, fornecimento de informações, adequação de produtos e serviços financeiros, além da prevenção de lavagem de dinheiro e terrorismo.

A Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) ainda informou que "as instituições financeiras irão analisar a norma para se adequar e estabelecer os procedimentos e controles para garantir integridade, autenticidade, confidencialidade e segurança das informações e documentos eletrônicos exigidos no processo".

O BC acredita que a nova norma permite a ampliação "com segurança e eficiência" da oferta de produtos e serviços financeiros à população. A novidade também abre espaço para instituições estritamente online, como o Banco Intermedium e o Banco Original - ambos disponíveis no Brasil -, que passaram a investir mais em ferramentas online do que em agências físicas.

Neste caso, todo o atendimento é feito via um aplicativo para Android e iOS. Não há taxas, cobranças ou limites de transações, e as entidades com funcionamento na internet oferecem os mesmos serviços dos bancos convencionais, incluindo pagamentos de boletos, transferências TED e DOC para outros bancos e saques em caixas eletrônicos do Rede Banco 24 Horas.

Uma iniciativa com o mesmo conceito e que também já aceita solicitações no Brasil é o cartão de crédito Nubank. Criada em setembro de 2014, a empresa oferece um cartão roxo livre de taxa de anuidade e tarifas, e cobra juros rotativos bem abaixo da média do mercado. O atendimento ao cliente também acontece via smartphone, e existe uma fila de espera para novos interessados no país.

Fontes: G1, Convergência Digital

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.