Telebras: estádios da Copa já têm conexão de 20 Gbps para as partidas

Por Redação | 09.05.2013 às 17:35

A Telecomunicações Brasileiras S.A. (Telebras) anunciou ontem (8) o fim da instalação dos anéis de fibra ótica nas regiões Nordeste e Sudeste do país, o que significa uma expansão de mais de 8,9 mil km em sua rede de telecomunicações.

A conclusão do projeto aumentou a rede principal da empresa, por onde passam os dados dos clientes da internet, para um total de 25 mil km. O backbone da Telebras agora interliga todas as regiões do país, oferecendo banda larga de alta velocidade. Entre os novos locais que entraram para a rede nacional da Telebras estão São Paulo, Rio de Janeiro, Vitória e Belo Horizonte.

Além de aumentar o acesso da população ao Programa Nacional de Banda Larga (PNBL) do Ministério das Comunicações, a rede também será utilizada durante a Copa das Confederações. Ela será responsável por garantir as transmissões das partidas para todo o mundo por meio do transporte de imagens e som para HDTV.

"Na última semana, realizamos testes em nossa rede com a empresa contratada pela Fifa para a transmissão do sinal de vídeo dos jogos da Copa das Confederações e da Copa do Mundo, e o resultado foi excelente", afirmou o presidente da Telebras, Caio Bonilha.

Todos os estádios participantes do evento estarão conectados por meio de um link de 20 Gbps, e então a rede levará as informações para o Centro Internacional de Coordenação de Transmissão (IBCC), que fica em Belo Horizonte (MG).

Saiba mais: Nova rodada de investimentos no PNBL deverá ser de cerca de R$ 125 bilhões